Congresso em Foco

O presidente da OAB, Felipe Santa Cruz. [fotografo]Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil[/fotografo]

OAB afirma que artigo 142 da Constituição não autoriza intervenção militar

e

02.06.2020 17:12 9

Reportagem
Publicidade

9 respostas para “OAB afirma que artigo 142 da Constituição não autoriza intervenção militar”

  1. cmobhz . disse:

    Pois e! Mas o “Judiciario” no caso desse STF interferir “indevidamente” no poder executivo, tambem “nao pode”! Mesmo isso sendo “conveniente para as esquerdas e demais oposicoes ao Governo”!

  2. Ildefonso Pavan disse:

    Voce acha que os militares decidissem por uma intervensão militar eles iriam preguntar para o Santa Cruz se poderia ? Me poupe !

  3. RômuloJ. Vieira disse:

    OAB de novo?…Esse sindicatão deveria se restringir somente as funções de seus associados!!…O Brasil precisa dar um fim em pleno 2020 a essas OAB,s CREAS etc…Exemplo: Onde estava o CREA nos casos da barragens de Mariana e Brumadinho, aquilo é pura engenharia civil, se fossem atuantes é provável que não teriam orrido tanta gente…Agora a OAB quer ser a palmatória do mundo,se mete em tudo,….Já deu!…Faça o melhor para os advogados e já tá bom!

  4. Aristóteles Barros da Silva disse:

    Oh, céus! O pessoal da OAB está se manifestando. Vai chover!!!

  5. João Carlos Bezerra de Melo disse:

    Sério? Pois o jurista Hamilton Mourão disse, alto e bom som, sem 2018, enquanto deitava falação em uma “palestra” em loja maçônica da capital federal, que o artigo 142 da CF autoriza os semoventes a intervir, prender e arrebentar

    • Jorge Lelis Pinholi disse:

      Ele tem razão, é uma das missões das forças armadas intervirem quando um poder usurpe as funções do outro. Temos dois poderes com moral baixíssima, vários de seus integrantes sendo acusados de cometerem crimes alcunhados de corrupção e se escondendo na lei que os exime de responderem por seus crimes. Um Supremo composto de amigos do rei da época em que vagaram os cargos. Vivemos um momento em que sofismas são utilizados para interpretações legais e morais. O presidente foi eleito pelo povo. Desde a sua eleição tem sofrido ataques de várias frentes. Ou as Forças armadas assumem seu papel ou teremos um governante democrático nos modes de Lenin, Stalin, Mao, Kin Jon, maduro, Chaves, Evo. Quanto ao presidente a OAB, não vejo também qualidades que o credenciam a nada.

      • João Carlos Bezerra de Melo disse:

        Somente um analfabeto, como o “jurista” citado ou um fanático fascista consumado pode concordar com o retorno dos 21 anos de tortura e assassinatos e atentados terroristas (explosão de bancas de jornal, saques a supermercado visando a impedir a “abertura” política e. pior, a ocultação de cadáveres até hoje sem revelação dos túmulos (caracterizando a figura penal do CRIME CONTINUADO (sobre isso os “juristas” como o citado na minha nota, não se pronunciam). Aliás, o atual comandante-em-chefe provou exaustivamente, o quanto são toscos, boçais e mal formados, apesar do torrencial fluxo de dinheiro público derramado na sua (de)formação.

        • Jorge Lelis Pinholi disse:

          Só um cego ou mal intencionado não vê que o Brasil está infestado de bandidos junto aos poderes e associações classistas. O Vice presidente tem um currículo de formação, informação e trabalho que o creditam a se manter incólume em qualquer debate. Creio que os opositores somente conseguem ter alguma prevalência sobre ele, nas ofensas. No Brasil, para se prender um criminoso, que não seja preto, pobre, ou político contrário, são necessários 4 instâncias de julgamento e o cumprimento de uma possível condenação nas instâncias inferiores se torna algo impossível. Não raro, vemos justiçamentos pelas facções criminosas, tais como pcc, cv, fda e milícias mais próximo do resultado justo. Democracia é o governo do povo, pelo povo e para o povo. Temos tres poderes, um tem seu chefe maior, em todas as esferas da adm pública eleitos pelo povo. Os outros são eleitos indiretamente ou nem eleitos são. A negociata e a indicação por amizade ou interesse são marcantes na condução dos chefes dos demais poderes, seja a nível municipal, estadual ou federal.

        • cmobhz . disse:

          Deixa de dizer “besteiras”! Ja esta mais do que provado que o periodo militar nos salvou de uma ditadura comunista como a de Cuba! A propria Dilma Rousseff militava para a “ditadura do proletariado”! Isso esta documentado em entrevistas dadas por seus antigos companheiros de militancia! As possiveis torturas que houveram no Brasil, nao representam quase nada em comparacao com as torturas e assassinatos cometidos pela “ditadura do proletariado”! Essa “falacia” suas ja caiu por terra meu caro!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.

Seja Membro do Congresso em Foco

Apoie

Newsletter Farol Político

Perspectivas exclusivas e a melhor análise do poder

assine

Receba notícias também via