Congresso em Foco

[fotografo]Imagem/Reprodução[/fotografo]

Justus, em vídeo: “15 mil mortos é número muito pequeno”

24.03.2020 12:56 13

Publicidade

13 respostas para “Justus, em vídeo: “15 mil mortos é número muito pequeno””

  1. FrankHoina disse:

    Услуга сноса старых частных домов и вывоза мусора в Москве и Подмосковье под ключ от нашей компании. Работаем в указанном регионе, предлагаем услугу снос домов стоимость. Наши тарифы ниже рыночных, а выполнение работ гарантируем в течение 24 часов. Бесплатно выезжаем для оценки и консультаций на объект. Звоните нам или оставляйте заявку на сайте для получения подробной информации и расчета стоимости услуг.

  2. PpivMll disse:

    To treat an abnormally high pulse rate, it s essential to start with a careful evaluation to figure out what is causing the high pulse rate venta de levitra generico CSPG4, CD44, biglycan, decorin, versican, aggrecan the major CSPG in cartilage, perlecan, syndecan, and others listed in Table 1

  3. Lucio Valter Dias disse:

    Daqui a tres semanas perguntaremos: E aí, Justus, mesma opinião?

  4. Hatson Carvalho disse:

    Pensa uma coisa… 25 pessoas da sua família morrendo! Seria irrisórionao é?

  5. Decio Rodrigues disse:

    Em um universo de 200 milhões, dois por cento significa 4 milhões para justo isso é muito pouco realmente!!!!I Isso só no Brasil, genial!!!!

  6. CARLOS ALBERTO RANGEL disse:

    O JUSTUS ESTÁ CORRETÍSSIMO!!!!

  7. Lucas disse:

    o mundo tem 155 paises reconhecidos pela ONU. 12 desses países tiveram mais de 100 mortes por COVID-19. desses 12, 7 tiveram entre 100 e 600 mortes. 1 pais teve entre 600 e 1000 mortes, e quatro países tiveram mais de 1000 mortes, espanha, italia, china e irã.
    O Brasil em 2019 teve 622 mortes por choque eletrico. Ou seja, morre mais gente no Brasil por choque eletrico do que em 7 dos países com mais problemas de COVID-19.
    Esse vírus é um problema sério em um numero muito restrito de países, e isso não aconteceu porque os demais se isolaram e tomaram todas as providencias para evitar o contagio, e sim porque o vírus tem um grau de letalidade muito baixo, isso é fato.
    O maior problema não serão as mortes por esse virus, e sim, a tragédia economica que se seguirá pela histeria causada por governadores e setores da imprensa que espalharam o caos. a conferir

  8. Natanael disse:

    Está demitido!

  9. Humberto Gomes disse:

    Esse é o enviado do capiroto!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.

Seja Membro do Congresso em Foco

Apoie

Receba notícias também via