Congresso em Foco

Trinta e duas empresas e ONGs assinaram a Carta de Apoio à Diversidade, ao Respeito e à Inclusão de Pessoas LGBT+ nos Locais de Trabalho no Brasil[fotografo]José Cruz/Agência Brasil[/fotografo]

Empresas aderem à carta da diversidade em defesa dos direitos LGBTI+

16.09.2018 08:30 4

Publicidade

4 respostas para “Empresas aderem à carta da diversidade em defesa dos direitos LGBTI+”

  1. João Orestes Daruy disse:

    kkkkkkkkkkkkkkkkkk, rafuagem, lixos!!!

  2. ALMANAKUT BRASIL disse:

    Que tipo de empresa?

    O que a classe LGBT consome, que as outras classes não consomem?

    A gente vê tantos LGBTs trabalhando na área da saúde, principalmente a da enfermagem é praticamente nulo qualquer tipo de problema!

  3. Valdir disse:

    Respeitando o direito dessa minoria, que não constitui os problemas que o país enfrenta, pois esse apoio não vai nos tirar da crise, CF, fale então sobre a apreensão de 16 milhões de dólares com a comitiva do vice-presidente de Guiné Equatorial em Viracopos.
    BOLSONARO 2018!

  4. Fábio disse:

    Jornalistas, assim como toda a classe intelectual, tendem a se encantar por palavras, muito mais do que por ações. O que uma cartinha assinada por empresários significa na prática? Absolutamente nada! Quanta ingenuidade nesse texto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.

Seja Membro do Congresso em Foco

Apoie

Newsletter Farol Político

Perspectivas exclusivas e a melhor análise do poder

assine

Receba notícias também via