Congresso em Foco

Por Márcia Torres da Agência Uniceub

Record é condenada a exibir programas de religiões de matriz africana em horário nobre

09.04.2018 08:31 4

Reportagem

4 respostas para “Record é condenada a exibir programas de religiões de matriz africana em horário nobre”

  1. Nasser Moustafa Yassine disse:

    não entrendi ? então a Globo precisa ter Culto evangélico, sessóes espíritas, etc. etc. pq só o programa Santa Missa ?

    • 13582196 disse:

      A Globo não precisa ter nada disso, o que acontece é que a Record tem permitido que seus integrantes praticassem insultos e estimulado de violência contra outras religiões.

      • Samuel Machado Filho disse:

        Pois é, colegas, o pior é que a Record, apresar de demonizar a umbanda e o candomblé, é líder de audiência justamente na terra dessas religiões, a Bahia. Dá pra entender isso? Uma rede de televisão que estimula a intolerância contra adeptos de religiões afro-brasileiras liderar o Ibope lá mesmo onde estão enraizadas? O Dorival Caymmi e a Mãe Menininha do Gantois devem estar revolvendo-se de revolta em suas tumbas!

  2. Walldemar Sobrinho disse:

    Demorou muito pra isso acontecer e a pena é ridícula.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.

Seja Membro do Congresso em Foco

Apoie

Newsletter Farol Político

Perspectivas exclusivas e a melhor análise do poder

assine

Receba notícias também via