Maia se ausenta de 7 de setembro de Bolsonaro pelo segundo ano

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), não irá ao evento de 7 de setembro realizado pelo governo do presidente Jair Bolsonaro em Brasília. O deputado vai passar o feriado no Rio de Janeiro. Maia também não participou do evento de 7 de setembro do ano passado.

A  cerimônia contará com a presença do presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), e do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli.

Rompido com o ministro da Economia, Paulo Guedes, Maia tem feito aproximações apenas com os ministros da articulação política, como Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo) e Jorge Oliveira (Secretaria-Geral).

À noite, às 20h, um pronunciamento de Bolsonaro será veiculado em cadeia nacional de rádio e TV. Segundo publicação no Facebook de Bolsonaro, o pronunciamento foi gravado no domingo (6).

Em 2018, quando Michel Temer (MDB) fez seu último evento de 7 de setembro como presidente, tanto Maia quanto o então presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), não compareceram.

Rodrigo Maia participou do primeiro desfile de Temer como presidente em 2016 e do segundo em 2017. O então presidente do Senado, Renan Calheiros (MDB-AL), não foi em 2016. Em 2017, Eunício foi.

No primeiro desfile de Dilma Rousseff (PT) como presidente o ex-presidente da Câmara Marco Maia (PT-RS) participou, mas o ex-presidente do Senado José Sarney (MDB-AP) não foi.

O tradicional desfile na Esplanada dos Ministérios alusivo ao Dia da Independência não será realizado este ano em razão da pandemia de covid-19. No lugar dele, um evento menor na manhã desta segunda-feira (7) tomará lugar na residência oficial do presidente Jair Bolsonaro, no Palácio da Alvorada. Haverá hasteamento da bandeira no Pavilhão Nacional do Palácio às 10h e apresentação da Esquadrilha da Fumaça por cerca de 10 minutos.

A solenidade é restrita às autoridades convidadas e imprensa. O evento será transmitido ao vivo pela TV Brasil, que terá uma programação especial das 9h às 11h.

>Desfile militar será acompanhado de atos pró e contra Temer em Brasília
>Dilma e ministros acompanham desfile de 7 de setembro

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!