Senador pede ao TCU informações sobre acordo da Petrobras com investidores estrangeiros

 

O Plenário do Senado aprovou nesta terça-feira (29) um pedido de informações ao Tribunal de Contas da União (TCU) sobre o acordo firmado entre a Petrobras e um grupo de investidores americanos.

O TCU, órgão de controle externo auxiliar do Poder Legislativo, vem acompanhando as providências da Petrobras em relação ao acordo firmado com os investidores no âmbito do processo da Corte Federal de Nova York, nos Estados Unidos.

O acordo, acertado no último mês de janeiro, tem como objetivo encerrar uma ação coletiva movida por investidores americanos por perdas provocadas após a descoberta do esquema de corrupção investigado pela Operação Lava Jato.

<< Ex-braço direito de FHC vai presidir a Petrobras

O requerimento (RQS 325/2018) é do senador Otto Alencar (PSD-BA). Ele lembra que o pagamento de cerca de R$ 10 bilhões por parte da Petrobras terá impacto no resultado da companhia no quarto trimestre de 2017.

Segundo o senador, o valor equivale ao dobro do lucro acumulado pela empresa nos três primeiros trimestres do ano passado e representa também 65% de tudo o que a empresa arrecadou até o momento na segunda fase de seu plano de venda de ativos.

 

<< Petroleiros redefinem estratégia após TST declarar greve ilegal. “Decisão é abusiva”, afirmam

<< Petroleiros preparam greve e acusam presidente da Petrobras de beneficiar grupos internacionais

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!