Com 43 minutos de atraso, começa a sessão que ouvirá Dilma no Senado

Acompanhada do ex-presidente Lula e de ex-ministros e assessores, Dilma chegou ao Congresso Nacional por volta das 9h, horário previsto para começar a sessão, e foi recebida por senadores aliados com flores e gritos de apoio

Começou com 43 minutos de atraso a sessão do Senado em que a presidente afastada Dilma Rousseff fará sua defesa no julgamento do processo de impeachment. Acompanhada do ex-presidente Lula e de ex-ministros e assessores, Dilma chegou ao Congresso Nacional por volta das 9h, horário previsto para começar a sessão, e foi recebida por senadores aliados com flores e gritos de apoio.

Acompanhe a sessão ao vivo:

 

 

Mais sobre impeachment

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!