Congresso em Foco

Chefe da Secretaria Especial de Comunicação Social da Secretaria de Governo, Fabio Wajngarten. [fotografo] Isac Nóbrega/PR [/fotografo]

Secom divulga atos do dia 15 em perfil oficial da Presidência

11.03.2020 12:23 7

7 respostas para “Secom divulga atos do dia 15 em perfil oficial da Presidência”

  1. Marcio disse:

    Discursar pra quem ganha em dólar nessa alta ,é igual tocar um berrante pro gado… Vai buscar apoio fora do país esse ridiculo

  2. Marinaldo Waitman disse:

    Isso é totalmente ilegal. Merece impeachment.

  3. Adriano Picarelli disse:

    Não querem cidadãs, cidadãos, nunca quiseram, durante toda a República… Querem seguidores, hordas digitais, fanáticos, massas… de manobra… Bobos que riem todos os dias dos shows de cercadinhos, puxadinhos… inhos… inhos… inhos… A sociedade brasileira pagará caro por isso, já paga, tudo é feito com dinheiro de impostos… Dinheiro de impostos que mantem secretarias que divulgam manifestações pró-governo… O dinheiro de impostos não para Estado, mas para governo…

  4. Adriano Picarelli disse:

    Por que não chamam a sociedade para plebiscitos, referendos, não para as ruas? O direito do povo seria exercido muito mais efetivamente… Referendo sobre reforma da Previdência, referendo sobre reforma da Previdência de militares… Referendo sobre reforma Fiscal… O voto é muito mais garantido do que as ruas… 2013 teve repercussão em termos de mudanças de atitudes da política partidária?

  5. Natanael disse:

    Enquanto países restringem aglomeração por causa do coronavirus, no Brasil com quase 1.000 casos suspeitos e 35 já confirmados, temos protestos marcados para os dias 15 e 18 deste mês, sendo que o do dia 15 convocado pelo próprio governo. Impressionante!

  6. Adriano Picarelli disse:

    Em 2019, houve manifestações, protestos, no Chile… A reação do governo brasileiro, diante de manifestações sociais, foi imediata… “Se esquerda radicalizar, resposta pode ser ‘novo AI-5’, diz Eduardo Bolsonaro”, Uol, 31 de outubro de 2019 ( a matéria esteve em destaque, no topo da página inicial do Uol )… “Paulo Guedes repete ameaça de AI-5 e reforça investida radical do Governo Bolsonaro. Num momento em que presidente insiste em aumentar excludente de ilicitude para proteger excessos de agentes militares, ministro da Economia traz de volta fantasma de decreto da ditadura”, Felipe Betim, El País, 26 de novembro de 2019… Agora, em março de 2020, convocam manifestações… Críticas vieram de liberais, nem é preciso mencionar pessoas de esquerda… “O liberalismo é uma via estreita no Brasil. Fala de Guedes sobre AI-5 não pode vir de quem ocupa posição de Estado”, Fernando Schuler, Folha/Uol, 28 de novembro de 2019… Manifestações de apoio, sim… outras não… Tudo isso já era sabido, bastava olhar para grupos, corporações eram a base de apoio do atual governo… Conhecer um pouco da história da República… Se houvesse alguma dúvida, no próprio período eleitoral deixaram tudo muito claro… “Filho de Bolsonaro ameaça STF e diz que para fechar corte basta ‘um soldado e um cabo’. Declarações, feitas em julho em um cursinho, provocam repúdio. FHC diz que há ‘cheiro de fascismo'”, Ricardo Della Coletta e Felipe Betim, El País, 21 de outubro de 2018… As ameças de grupos violentos ao Estado de Direito é tal no Brasil – nada diferente de muitos países da América Latina – , que o presidente do Supremo fez declaração que talvez europeus, norte-americanos, ingleses, franceses… não compreendam… ou compreendam, vinda de onde veio… “Batismo da urna legitima os poderes, e qualquer resultado será respeitado, diz Toffoli”, Letícia Casado e Mônica Bergamo, Folha/Uol, 24 de setembro de 2018… O Brasil é uma sociedade na qual há grupos que pensam que podem impedir a manifestação, que podem atacar, difamar e mesmo matar quem pensa diferente deles… E grande parte da sociedade está concordando com isso ou sendo omissa… O presidente fala o que quer, difama quem quiser, faz o que deseja, afronta com troça de uma economia que afeta milhões de pessoas negativamente… e nada acontece… Ninguém pode dizer que eles mentem sobre quais manifestações podem e quais não podem acontecer… Da censura de comerciais, peças… à ocupação das ruas…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.

Seja Membro do Congresso em Foco

Apoie

Newsletter Farol Político

Perspectivas exclusivas e a melhor análise do poder

assine

Receba notícias também via