Congresso em Foco

Para Israel Batista, intervenção do Congresso foi determinante para que Inep se preocupasse com crise interna [fotografo] Cleia Viana/Câmara dos Deputados [/fotografo]

Estabilidade do servidor é garantia contra caprichos de políticos, diz deputado

11.09.2020 19:56 8
Atualizado em 13.09.2020 15:29

Publicidade

8 respostas para “Estabilidade do servidor é garantia contra caprichos de políticos, diz deputado”

  1. Valdir disse:

    A estabilidade é um cancro no serviço público. Suas consequências são devastadoras, por três motivos:
    1 – O servidor público, não na totalidade, mas na sua maioria esmagadora, se acomoda, e não acompanha a evolução da sociedade, nem a tecnológica;
    2 – Se acham o “rei da cocada preta”, e tratam a população, seus reais patrões, que bancam seus salários e privilégios, como se fossem lixos;
    3 – Os governantes ficam nas mãos dos servidores. Não à toa que representam o lobby mais forte no Congresso, Assembléias Legislativas e Câmaras Municipais, e por isso os políticos os defendem. Não por respeito, mas por medo do boicote.

    FIM DA ESTABILIDADE JÁ!

    • Marco Pimenta disse:

      Você não tem nenhum conhecimento do serviço público.

      • Valdir disse:

        Tenho não! Já fui funcionário de estatal e minha esposa é funcionária pública.
        Você deve ser um dos “parasitas”, acomodado, que se acha o “rei da cocada preta”!
        Cala a boca que é melhor.

        • Patrão da Valdirene disse:

          Valdir, quando ganhar meu cargo em comissão, vou mandar sua esposa me mamar. Se ela não mamar, A “Rainha da Cocada Preta” vai dançar, estabilidade não é absoluta!

          • Patrão da Valdirene disse:

            Vou querer a rachadinha dela também, embora a gente saiba que a distribuição dela é bem famosa e bem generosa.

          • Valdir disse:

            Nem o pior bandido, do mais imundo esgoto do mundo, seria capaz de te dar cargo de comissão!
            Seu nível precisaria melhorar muitas camadas de esgoto.

          • Valdir disse:

            Ah! E nem adianta colocar mais comentários, que não terei mais acesso!

  2. Capitalista disse:

    A ideia é a volta do quem indica, e depois quem restar vai ser na base da ameça, afinal se for demitido por não aceitar pressão e suborno pra ilícitos é so dizer que é por incompetência,

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.

Seja Membro do Congresso em Foco

Apoie

Newsletter Farol Político

Perspectivas exclusivas e a melhor análise do poder

assine

Receba notícias também via