Congresso em Foco

Jair Bolsonaro, general Heleno e Rodrigo Maia [fotografo]Antônio Cruz/ABr[/fotografo]

“Dia do foda-se” e greve da PM tensionam debate político pós-Carnaval

25.02.2020 16:28 10

10 respostas para ““Dia do foda-se” e greve da PM tensionam debate político pós-Carnaval”

  1. wzfr disse:

    FODA-SE O CONGRESSO NACIONAL, FODA-SE O JUDICIARIO E PRINCIPALMENTE OS BANDIDOS DO $TF, O BRASIL PRECISA SE LIBERTAR DESTA BANDIDAGEM CORRUPTA E INSTITUCIONALIZADA NOS PODERES….

    • Anides Soares disse:

      De acordo. Orçamento impositivo á própria palavra já diz: Orçamento por imposição.. do congresso. O Executivo aloca recursos tributários pro país, e legislativo impõe uso desses recursos a seu bel prazer e de seus numerosos assessores, agregados,aliados, etc e tal.(Como diz o cantor Falcão).Tá na hora do Bolsonaro livrar-se já já, desta chantagem.

  2. Paulo disse:

    Abaixo do Orçamento Impositivo …..
    Mas o problema é que os militares foram comprados também por aceitar que o congresso aprovasse o aumento de seus soldos. Mas é completamente diferente de Emendas Parlamentares.
    O dinheiro liberado por essas emendas é uma verdadeira Caixa Preta. Pela história sabemos que uma grande parte desses recursos tem um destino incerto.

    A proximidade que faz entre o nariz de um político com o cheio do dinheiro é o efeito narcótico. O sujeito fica loucão.
    O papel de um congressissta é aprovar projetos e naõ manipular dinheiro.
    Precisamos separar completamente o político do cheiro do dinheiro.

  3. Valdir disse:

    Esses bandidos estão chantageando o executivo sim!
    Maia e Alcolumbre são dois bandidos que comandam uma quadrilha chamada Congresso. E a extrema imprensa apoia toda mazela que estão fazendo, não só contra o Bolsonaro, mas principalmente com a nação!
    Dia 15/03, “F.O.D.A-S.E!”

    • DHume disse:

      Engraçado, quando o congresso era comandado pelo Eduardo Cunha e deixava o país ingovernável barrando projetos do governo Dilma para sairmos da crise não via esse chororô.

      • Valdir disse:

        Estás brincando, não?
        Ou esquecido, quem sabe?
        O Cunha só virou oposição depois que o PT resolveu votar contra ele e ele foi cassado.
        E Dilma não tinha nenhum projeto para sairmos da crise. Isso porque foram seu governo e do Lula que nos colocaram na crise em que nos encontramos.
        Agora que estamos no rumo certo, ficam de mimimi, criando Fake News atrás de Fake News, e não deixam o governo trabalhar. Mas não tem chororô, apenas reação, já que a toda ação…

  4. Antonio Carlos Pissinati disse:

    A imprensa de esquerda não tem jeito mesmo, tem que continuar produzindo falsas conclusões, e colocando a responsabilidade nas costas do Presidente Bolsonaro:
    É uma grande mentira falar que o Presidente Jair Bolsonaro não reprimiu a paralisação dos policiais militares no Ceará. O Governador do PT sim, não fez nada para impedir a paralisação, e quando o Governo Federal foi chamado, depois da iniciativa desastrosa do Senador Cid Gomes, as forças de Segurança Nacional, bem como o Exercito Brasileiro, foram enviados para lá, e a resposta foi imediata, para restabelecer a segurança e ordem para a população mais carente, inclusive o Ministro Sérgio Moro esteve lá também..
    Quanto a manifestação agendada para o dia 15.03, é uma iniciativa dos cidadãos de bem deste País, que querem botar ordem na casa, dando um recado direto para os Presidentes do Câmara e do Senado Federal, bem como para o STF, dizendo que chega de querer encostar o Poder Executivo na parede, ameaçando não votar as pautas importantes para fazer o Brasil voltar a crescer, como as reformas administrativa e tributária, se não aceitar um orçamento impositivo de R$ 30 bilhões, num ano eleitoral, para bancar a eleição/reeleição da turma da esquerda, na compra de votos.
    Chega de querer implantar um parlamentarismo branco no Brasil, sabemos que os poderes legislativo e judiciário estão sim a serviço da esquerda, especialmente do PT, pelas enormes vantagens recebidas num passado recente, no toma lá da cá que existia de maneira escancarada.
    O Governo Bolsonaro está dando certo, justamente porque não loteou os cargos do poder executivo, como era feito na época do PT, agora as pessoas estão sendo convocadas pela sua competência profissional, e pela sua trajetória de vida ilibada. Podem ter certeza que o Brasil vai continuar crescendo, e eu não tenho nenhum receio em falar que este ano será na faixa dos 3%.

    • DHume disse:

      Pedir o fechamento do congresso e do STF para dar poderes absolutos ao executivo é o que então. Estranho que quando o congresso encabeçado pelo Eduardo Cunha fazia chantagem ao governo Dilma não vi nenhum tipo de manifestação contra. Ditadura de esquerda não pode mas de direita pode?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.

Seja Membro do Congresso em Foco

Apoie

Newsletter Farol Político

Perspectivas exclusivas e a melhor análise do poder

assine

Receba notícias também via