10 vídeos de 2019: De Eduardo correndo a confusão com Maria do Rosário

O ano de 2019 contou com muita confusão em praça pública. Os políticos brasileiros não pouparam o país e o mundo de presenciar cenas atípicas e declarações polêmicas nas redes sociais. Como não poderia ser diferente, o Congresso em Foco acompanhou todos esses movimentos. Com o canal do Youtube quase dobrando o número de inscritos nos últimos meses, o canal do site caminha rumo aos 2,5 milhões de visualizações no Youtube, sendo que quase 1 milhão veio neste ano de 2019.

> É tri! Somos o site político mais acessado pelos congressistas

Para celebrar estes números e reviver os momentos mais marcantes do ano, reunimos pra você os vídeos mais vistos do site na plataforma, por ordem de visualização.

01 - O vídeo mais visto foi o do deputado Eduardo Bolsonaro correndo da imprensa. Logo após assumir a liderança do PSL, depois de muita luta, o filho do presidente não quis conversar com a imprensa sobre os caminhos que pretendia trilhar como líder da sigla na Câmara e correu para fugir dos microfones da imprensa. O registro exclusivo do Congresso em Foco rodou sites de notícias do Brasil e do mundo.

02 - O segundo vídeo mais vídeo do ano foi publicado no dia 5 de dezembro. O fato aconteceu na Assembleia Legislativa de São Paulo, quando o deputado estadual Arthur do Val (sem partido), conhecido como Mamãe Falei, chamou sindicalistas e deputados para a briga. A confusão foi apartada por parlamentares e seguranças da Casa.

03 - Outro flagrante de dezembro viralizou e aconteceu no dia 14, desta vez envolvendo o presidente Jair Bolsonaro. O Congresso em Foco registrou, também com exclusividade, o presidente "brincando" com um flamenguista que estava na Praça dos Três Poderes para tirar uma foto com ele. "Se sumir a carteira de alguém eu já sei quem foi", disse Bolsonaro na ocasião.

04 - Em quarto lugar está o vídeo em que o desembargador Jaime Machado Junior aparece ao lado do cantor Leonardo. Depois de citar o nome de cinco magistradas às quais dirigiu o vídeo, ele mostra a elas que está acompanhado do cantor, que manda beijos para elas. Em seguida, o desembargador diz: "Nós vamos aí comer vocês. Ele segura e eu como". Os dois gargalham na sequência. O Congresso em Foco suprimiu o som no momento em que ele diz o nome das juízas.

05 - Voltando ao fim do ano, o deputado Glauber Braga (Psol-RJ), chateado com a maneira em que o presidente da  Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), estava conduzindo a votação da urgência do projeto do novo marco regulatório do saneamento básico, chamou o mandatário da Casa de microditador.

06 - Quando a crise do PSL estava começando, o senador Major Olímpio (PSL-SP), em uma coletiva de imprensa, deixou no ar que existia a possibilidade de migrar de sigla e ir para o Podemos, assim como fez a senadora  a senadora Juíza Selma (MT), que trocou o PSL pelo Podemos depois de discutir com Flávio Bolsonaro. E, na ocasião, disse que a colega fez uma escolha digna porque estava indo para um partido sério. Por fim, afirmou que não diria "adeus", mas "até breve" à Juíza Selma.

07 - O ex-governador do Ceará a ex-presidenciável Ciro Gomes (PDT), em entrevista exclusiva ao Congresso em Foco, declarou que o ex-presidente Lula é um "enganador profissional". A declaração do nome mais forte do PDT rendeu muita repercussão nos mais diversos veículos jornalísticos do país e escancarou o racha que a esquerda brasileira vem sofrendo desde as eleições de 2018.

08 - O oitavo vídeo mais visto do canal do Congresso em Foco no Youtube também é dos Bolsonaros, mas dessa vez, envolve a esposa de Eduardo. Heloísa Bolsonaro disse em um vídeo publicado em sua conta do Instagram, que passa perrengue nos Estados Unidos quando viaja com o marido para lá, pois, segundo ela, o salário de R$ 33 mil que Eduardo recebe como deputado federal não da para ter uma vida de luxo.

09 - O nono vídeo mais visto envolve novamente de maneira indireta o nome Bolsonaro, pois, enquanto o presidente ainda estava no PSL, a sigla se dividiu entre seus apoiadores fieis e os apoiadores do presidente da agremiação, Luciano Bivar. No meio dessa briga o presidente tirou a liderança do governo no Congresso da deputada Joice Hasselmann (PSL-SP). Joice passou então a ser atacada pelos apoiadores do presidente nas redes sociais. Em um depoimento emocionado no Plenário, a parlamentar chorou.

10 - O filho do presidente e deputado federal, protagonizou ao menos mais um momento que viralizou nas redes do Congresso em Foco. O décimo vídeo mais visto é de Eduardo Bolsonaro discutindo na Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) das Fake News com Alexandre Frota. Eduardo lembrou do passado de Frota, quando o hoje parlamentar atuava em filmes ponográficos. Frota, por sua vez, afirmou que Eduardo o assistia. Os dois então passaram ter essa discussão.

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!