Congresso em Foco

Ministro do STF, Gilmar Mendes [fotografo]Reprodução[/fotografo]

“Forças Armadas atacam mensageiros”, dizem advogados em defesa de Gilmar

14.07.2020 20:31 11

Publicidade

11 respostas para ““Forças Armadas atacam mensageiros”, dizem advogados em defesa de Gilmar”

  1. CARLOS ALBERTO RANGEL disse:

    O beiçola é a prova CABAL de que o STF brasileiro tem entre seus membros, vagabundos safados. A palavra genocídio indica um CULPADO pelo ato, então o vagabundo beiçola está SIM atacando as Forças Armadas E o Governo Federal (que é um dos Poderes da República). E ainda o beiçola NÃO representa ninguém, para se dizer “o mensageiro”. O beiçola é só um vagabundo defensor de ladrão, de bandido, infiltrado no STF com o ÚNICO objetivo de defender a bandidagem que tomou conta do país de 2003 a 2016.

  2. wzfr disse:

    Que parcialidade tem essa imprensa nojenta da qual faz parte o congresso em foco.

  3. Jorge Teixeira Carneiro disse:

    Gilmar Mendes entende de tudo. Entende de tudo, mas só no quesito SOLTAR BANDIDOS processados e condenados. Soltou todos que conseguiu. Acabou com a Lava Jato no Rio de Janeiro. Soltou os “Baratinhas” da Fetranspor e toda a Gang do Guardanapo do Melhor Amigo do Amigo de Todos, menos o chefe, que já foi condenado a quase 300 anos de cadeia.. Mas o quesito para ser solto era ser BANDIDO RICO. Bandido pobre ele não solta, porque isso não dá as ”’prerrogativas”’ no ”’estado democrático”’ de direito que ele tanto go$$$$ta.

  4. JOÃO BRASIL GOMES FONSECA disse:

    A desastrosa e desorganizada gestão sanitária da pandemia do Coronavírus foi apontada por um diretor do Banco Mundial, Branko Milanovic, no Roda Viva da TV CULTURA, em 13 de julho de 2020.
    Ele disse em alto e bom som, com todas as letras, que os Estados Unidos e Brasil são exemplos dessas políticas insensatas e destrambelhadas.
    Na verdade, não há mais como tentar esconder, querem acabar com a saúde e educação pública (SUS).
    Guedes e &, nas sombras, manipulam as marionetes para divertir o gado ruminante na plateia midiática.
    Se Trump trata cidadãos americanos como se fossem seus funcionários, aqui o ventrílo(u)co Corona#Cloroquina trata os brasileiros como subordinados, (in)dispostos em ordem desunida ou desordem unida, ou qualquer umas das anteriores.
    Resumindo: o problema todo é um só, sujeito e objeto de nossas mazelas sem fim.
    De nada adianta ficar malhando em ferro frio.

  5. Sebastião L Machado disse:

    Democracia é isso, topou administrar a coisa publica, está sujeito à opinião pública. Se não quer a crítica, recolha-se à função legal prevista para quem escolhe ser militar. Ou, opte por sair.

    • CARLOS ALBERTO RANGEL disse:

      Não.. não. Não é “opinião pública”. Trata-se de um ministro do STF. O beiçola NÃO é um cidadão comum, um passante. Ele NÃO tem o direito de atacar outro dos poderes da Republica, porque ele faz parte de um dos poderes.

    • Jorge Teixeira Carneiro disse:

      Fazer o trabalho dele ele não faz. Existem milhares de processos no $upremo esperando pauta para julgamento. Se fosse alguma coisa referente a criar uma norma para soltar corruptos, eles pautavam a reunião para julgar já na semana que vem.

  6. Aristóteles Barros da Silva disse:

    Precisou o Ministro Gilmar mexer no vespeiro para que eles mostrassem a que vieram: DEFENDER SEUS GORDOS SALÁRIOS E SUAS REGALIAS. SÓ ISSO!! Eles não largam do Capitão Corona, porque ele está com a chave do cofre e, isso basta!

    • CARLOS ALBERTO RANGEL disse:

      Não se preocupe, peteba. A sua ideologia está e vai continuar devidamente chutada pra bem longe do poder. O resto é só chororô mesmo da mortadelada.

  7. Felix disse:

    Quase sempre discordo do Gilmar, mas ele foi muito feliz em colocar o dedo nessa ferida.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.

Seja Membro do Congresso em Foco

Apoie

Newsletter Farol Político

Perspectivas exclusivas e a melhor análise do poder

assine

Receba notícias também via