Congresso em Foco

Bolsonaro trocou presidência do BNDES na última segunda[fotografo]Reprodução/Facebook[/fotografo]

“Não estávamos tendo transparência no BNDES”, diz Bolsonaro

20.06.2019 20:03 36

Publicidade

36 respostas para ““Não estávamos tendo transparência no BNDES”, diz Bolsonaro”

  1. O BNDES sem dúvidas que foi uma das instituições brasileira durante os governos corruPTos do PT, que mais foi contaminada, devido os empréstimos fraudulentos com o dinheiro do BNDES, para várias ditaduras comunistas africanas e da América Latina, o pior que a maioria desses empréstimos não estão sendo pagos. Se esses milhões que foram emprestados durante os desgovernos do PT, tivessem sidos investidos dentro do país o país não estaria nessa situação miserável que nós estamos vendo sem dinheiro para nada. https://uploads.disquscdn.com/images/c02a57b80a7d9f62c820f752a06392bf2a9d3c2d1c316e8325b4b1fb91e14e38.jpg

  2. Felix disse:

    Nem temos transparência sobre as falcatruas do ministro de turismo, os crimes do ministro do meio ambiente, a situação do flavinho, a situação do amigo queiroz, os caixa dois do Onyx e seu uso indevido de verbas parlamentares durante a campanha, e assim vai.

  3. CARLOS ALBERTO RANGEL disse:

    Não estávamos tendo transparências mas agora teremos. E a caixa preta do BNDES terá de ser aberta e escancarar MAIS um escândalo da era da ORCRIM do pute no poder. Esta corja já tem seu chefe na JAULA (e lá vai ficar até morrer).. mas temos de caçar os demais.

  4. Bento Sartori de Camargo disse:

    Chora esquerdalha mas chorem sentados ou deitados!. É impagável ver o desespero bater nos politiqueiros corruptos!.

    • igoissilva disse:

      O QUEIROZ e o Flávio BOZO não estão em desespero. E são ladrões

      • Bento Sartori de Camargo disse:

        Se tiverem algum tipo de safadeza e após passar pelos trâmites legais que arquem
        com as consequências sim, ou vc acha que tenho “político de estimação”?. Todo e qqr “gestor público” que cometer ilícito/infração tem de ser punido exemplarmente!.

  5. Ronaldo EU disse:

    Uma pergunta senhor Presidente: Se o dono da Havan estiver nessa lista, o nome dele também será divulgado?

  6. Luiz Antonio Muniz disse:

    Desde a criação das Urnas Eletrônicas o Brasil tinha eleições limpas e sem fraudes. Foram 22 anos de exemplo para o mundo, até que chegou o “Conge” e resolveu fraudar as eleições, prendendo sem provas, o candidato preferido dos brasileiros e assim elegendo um incapaz e psicopata para presidir nosso País. O resultado não preciso comentar, todos nós estamos vendo. Com a revelação das conversas do “Conge” e sua quadrilha, todos os brasileiros entenderão o que aconteceu.

  7. igoissilva disse:

    BOZO, o louco, pior presidente da história, maior IMBECIL a sentar na cadeira de presidente, mais inepto que a Dilma, o Brasil não aguentará 3 anos e meio desse Imbecil

    • Sem dúvidas, ele está condenado pelos corruptos, pelos que sempre fizeram falcatruas, pelos que desviaram bilhões de dinheiro público. Lógico que essa cambada de ladrões não iriam aprovar o presidente Jair Bolsonaro no poder. Só tem um detalhe, não tem mais volta, quem não aceitar o novo Brasil sem corrupções, falcatruas e desvios do dinheiro público, como eles estavam acostumados, então vá para a Venezuela ou Cuba, porque no novo Brasil que se iniciou em 01/01/2019, eles não têm mais vez.

  8. Carlos Campos disse:

    Se esse desgoverno quer achar algo errado, sugiro achar o Queiroz… Não vai faltar problema…

  9. peterson disse:

    Bozo acreditou nas suas próprias fake news, jamais existiu caixas pretas e jamais foi como os seguidores dele dizem, eles mentem até hoje sobre isso mesmo ja sabendo que é mentira

  10. Celma Torres disse:

    O Bolsonaro parece que ativa uma doença mental nos seguidores, é muita raiva acumulada, isso faz muito mal para o brasileiro. Temos que sair desse círculo vicioso.

  11. Jomar Telles disse:

    Bolsonaro e PSL desconfiavam que LULA e Dilma gastaram bilhões do BNDES através de um caixa preto. E se vencesse as eleições iria revelar ao público as roubalheiras do PT.
    Jair não esperava que tal caixa preta não existiu e o PT não roubou bilhões usando o BNDES.
    Está furioso. Ganhou muitos votos com essa difamação do PT.

  12. Zamtonsky Mun disse:

    Sinto que ele quer é perseguir o PT ….provável que invente algo absurdo. O moro ja foi descoberto!

  13. Claudinei Xavier De Souza disse:

    A ideia é achar alguma coisa errada, nem que se tenha que inventar essa coisa errada.

  14. Osmar disse:

    . Em 2007 o presidente da época assinou decreto alterando o estatuto do BNDES, que até então era proibido emprestar dinheiro para outros países e aí foram obras e mais obras bancadas com dinheiro dos brasileiros. E o ladrão recebendo gordas propinas (sic palestras) Ah, mas tinha seguro. Sim. Seguro bancado pelo Brasil. E então o prejuízo foi dobrado, porque além de não receber o dinheiro das obras, o povo ainda tem que pagar o rombo. E tudo vai aparecer agora. O povo vai ficar sabendo de tudo isto. Lula drão na cadeia para sempre.

    • Carlos Campos disse:

      Em 2007 era o Lula o presidente certo? A fixação de todo bolsominion… Mas no governo de FHC (aquele que o Moro não queria investigado, lembra?) o BNDES financiou obras na Venezuela e em Cuba, como foi isso?

    • peterson disse:

      FAKE NEWS, todos os grandes paises financiam suas multinacionais no exterior e esta pratica não começou em 2007. Mentira e texto fabricado para enganar trouxas.

    • Paulo Geribá disse:

      Desde 1998 o BNDES financia a comercialização de bens e serviços brasileiros para 15 países ao longo de 20 anos por meio da linha BNDES Exim Pós-embarque.

      Os recursos são destinados ao exportador brasileiro de bens ou serviços, em Reais, com desembolso no Brasil após a comprovação das exportações brasileiras.

      O devedor é o importador, ou seja, a empresa ou país estrangeiro que compra o bem ou serviço.

      Em caso de inadimplência do devedor, a estrutura de garantias é acionada e o BNDES é ressarcido como, por exemplo, pelo Fundo de Garantia à Exportação (FGE).

      • Carlos Campos disse:

        Exatamente Paulo. Na verdade a Lava-Jato não teve nenhuma preocupação com a manutenção de projetos ou serviços e com isso parou a nossa construção civil, gerando um buraco enorme na economia, incluindo o desemprego. Duvido que esse governo tenha capacidade para reverter o quadro, a ideia é VENDER todos os ativos do BNDES, suas participações e nada de novo. Enquanto isso, seus eleitores seguem replicando a ideia estúpida de caixa-preta, quando nunca se deram ao trabalho de abrir o Livro Verde no site do próprio banco… É um pessoal absurdamente limitado…

  15. websano disse:

    Claro que não entrou em detalhes sobre a falta de transparência no Banco… nem ele sabe… desculpa fajuta

    • Osmar disse:

      Ele sabe sim. Em 2007 o presidente da época assinou decreto alterando o estatuto do BNDES, que até então era proibido emprestar dinheiro para outros países e aí foram obras e mais obras bancadas com dinheiro dos brasileiros. Ah, mas tinha seguro. Sim. Seguro bancado pela Brasil. E então o prejuízo foi dobrado, porque além de não receber o dinheiro das obras, o povo ainda tem que pagar o rombo. E tudo vai aparecer agora. O povo vai ficar sabendo de tudo isto. Lula drão na cadeia para sempre.

      • Paulo Geribá disse:

        FAKE NEWS – Mentira deslavada.

        Desde 1998 o BNDES financia a comercialização de bens e serviços brasileiros
        para 15 países ao longo de 20 anos por meio da linha BNDES Exim Pós-embarque.

        Os recursos são destinados ao exportador brasileirode bens ou serviços, em Reais, com desembolso no Brasil após a comprovação das exportações brasileiras.

        O devedor é o importador, ou seja, a empresa ou país estrangeiro que compra o bem ou serviço.

        Em caso de inadimplência do devedor, a estrutura de garantias é acionada e
        o BNDES é ressarcido como, por exemplo, pelo Fundo de Garantia à Exportação (FGE).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.

Seja Membro do Congresso em Foco

Apoie

Newsletter Farol Político

Perspectivas exclusivas e a melhor análise do poder

assine

Receba notícias também via