Congresso em Foco

Presidente da Câmara interveio pessoalmente nas negociações para que PEC da reforma da Previdência seja votada na quarta [fotografo]Reprodução[/fotografo]

Maia intervém e negocia pessoalmente mudanças no texto da Previdência para votar na CCJ antes do feriado

16.04.2019 16:25 14

Reportagem Em
Publicidade

14 respostas para “Maia intervém e negocia pessoalmente mudanças no texto da Previdência para votar na CCJ antes do feriado”

  1. Valdir disse:

    “A desconstitucionalização, o FGTS, e o abono”. Esses são os empecilhos. Não eram o BPC, a aposentadoria rural e a idade mínima?????

  2. Molina disse:

    Segue o capitulo de manutençao e privilegios das castas poderosas indecentes….uma desgraça, uma vergonha…

  3. Molina disse:

    Se nao fosse o processo no stf seria o proximo presidente…

  4. Geraldo Gomes disse:

    Os empresários estão muito interessado nesta reforma, os bancos também. Engraçado, o que lucrarão com ela?

  5. alex disse:

    NÃO GOSTO, NÃO VOTO NESSE MAIA.

  6. moisesdos santos disse:

    Maia é aliado do governo quer aprovar este projeto fim da aposentadoria do Bolsonaro modificado de qualquer maneira , para tentar salvar o governo de uma grande derrota va enganar outro , este projeto tem quer é derrotado em sua totalidade ..

  7. ed disse:

    O mala do MAIA e o BOZO colocaram o ferro na forja para ferrar de vez com o povo !.

    • Pedro Hurwicz disse:

      Graças a Herança deixada pelos governos anteriores, que nunca fizeram nada, nem mesmo uma reforma fiscal que o Brasil precisa, infelizmente temos que fazer a reforma da previdência, doa a quem doer. Agora, se a reforma não for aprovada, meu conselho é, principalmente para aqueles que têm filhos, MUDEM DE PAÍS. Vão para o Chile, pois lá a reforma foi feita e o país está decolando.

  8. luis disse:

    Quer dizer que o presidente da CCJ não cumpre acordos? Outra, Rodrigo Maia tá preocupado com o mercado? Quem estaria preocupado com os eleitores? Quem se preocupa com as aposentadorias dos nossos filhos e as nossas pq, se o sistema hj é de partilha e mudamos. Não entraram novos nele, nem com empregos em alta. Conclusão: daqui uns aninhos, vão cortar até benefícios dos atuais
    Vamos botar a cara dos deputados para os eleitores saberem quem é quem!

  9. Sebastião Staut disse:

    Maia, estafeta dos bancos, logo logo terá de prestar contas á Justiça,,, primeiro ministro kkkkkkkkk

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.

Seja Membro do Congresso em Foco

Apoie

Newsletter Farol Político

Perspectivas exclusivas e a melhor análise do poder

assine

Receba notícias também via