Congresso em Foco

Deputado Capitão Augusto (PL-SP) [fotografo]Leonardo Prado / Câmara dos Deputados[/fotografo]

Bancada da bala deverá ser três vezes maior no Congresso a partir de 2019

16.11.2018 07:30 19
Atualizado em 17.11.2018 19:53

Reportagem Em
Publicidade

19 respostas para “Bancada da bala deverá ser três vezes maior no Congresso a partir de 2019”

  1. Carlos Sforza disse:

    De grão em grão a galinha enche o papo…. Chega de impunidade e segregação da justiça… Capitão está chegando..Bora….

  2. goncmcs disse:

    Glória a Deux!

  3. José Roberto Santana disse:

    Carlos zaratini do PT da bancada da bala duvido. ESTA certo que a bandido hem está muito atrevida mas creio que o caminho não é armar a população. Qualquer um em um momento de discussão pode fazer bobagem com uma arma na não.

  4. Robson Moreira disse:

    Policias!!! Cobrapol, Fenapef,Sinpol,Sindpol etc. Talvez seja interessante negociar com o governo uma reforma em que o policial se aposente aos 55 anos (Calma) !! Com um pedágio para quem está próximo de aposentar .
    Em compensação teria uma carreira única.
    O governo ia economizar duas vezes pois não teria que pagar alto salario a quem passa em um concurso para chefe nas polícias, e o policial trabalharia um pouquinho mais tb economizando p os Governos.
    Aqueles que já são chefes e os que já estão aposentados não perderiam nada, inclusive a alíquota da previdência para quem já está no sistema continuaria em 11%. Creio que seria uma boa para os dois lados, já que parece que essa reforma vai ser feita mesmo. Melhor fazer na conversa do que na força.

  5. Itamar Mortagua disse:

    Só que agora, o alvo das balas serão os marginais, para desespero de alguns setores da imprensa e do famigerado comite de recursos humanos que deve retomar o seu caminho, cuidando das vítimas dos crimes cometidos.

  6. Marcelo israel disse:

    esse negocio de bancada da bala gera um mal estar medonho, até parece que quem apóia uma maior flexibilidade em se adquirir uma arma é marginal, a bancada é da defesa e não dos marginais.

  7. carlos disse:

    Agora é tiro porrada e bomba 3 vezes mais.

  8. mariossergio disse:

    Regras penais mais rígidas, tudo bem, serão bem vindas, tem meu apoio, mas armar a população não faz nenhum sentido. O que deveria ser feito é desarmar os bandidos, mas parece que é mais fácil, ou mais emocionante, incentivar a troca de tiros, então, vamos retornar ao velho oeste…

  9. Levi Fasolo disse:

    Apoio a bancada da Bala…..
    Repúdio a bancada da mala

  10. João Pascon disse:

    E a bancada dos honestos? Tem quantos?

  11. Edison Sampaio disse:

    Relativamente à formação de bancadas, não acho isso bom. A partir do momento em que é eleito, o parlamentar deve integrar-se aos anseios do Brasil, exercendo o mandato em prol de todos os brasileiros, independentemente de qual ideologia ou partido pertença. O que precisamos, doravante, é de união, para a Ordem e Progresso. Chega de “polarizações”. Ou estarei errado?

  12. 13582196 disse:

    E a bancada dos CorruPTos, quanto caiu?

    #ForaPT
    #ForaMarcioFrança
    #ForaHaddad

  13. carpit1984 disse:

    É algo obvio reconhecer que a sociedade clama por LEI ORDEM e DISCIPLINA, valores que os tais “democratas, progressistas” desprezam. Chega de esculhambacao e anarquia. Temos que varrer os criminosos todos do mapa.

  14. Euclides Neto disse:

    Tem o Senador Marcos do Val que também é um defensor do movimento armamentista, militar da reserva, apesar de ter histórico de atrito com o Clã Bolsonaro.

  15. Fábio disse:

    Ótima notícia.
    Vivemos em uma realidade insana de mais de 60.000 homicídios ao ano, recorde mundial absoluto. Precisamos endurecer o combate à criminalidade. Eleger esquerdistas significa manter este estado de coisas.

  16. João Paulo disse:

    Como ficou a bancada evangélica?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.

Seja Membro do Congresso em Foco

Apoie

Newsletter Farol Político

Perspectivas exclusivas e a melhor análise do poder

assine

Receba notícias também via