Bolsonaro desembarca em Brasília e deve definir ministérios restantes

O presidente eleito Jair Bolsonaro chega a Brasília por volta das 8h30 desta terça-feira (27) e deve reunir-se com os membros do gabinete de transição e de seu futuro governo. As conversas estão previstas para começar às 10h no Centro Cultural do Banco do Brasil (CCBB), onde a equipe está instalada.

A expectativa é de que Bolsonaro conclua nesta semana as definições sobre sua equipe. A partir das 14h também estão programadas reuniões do presidente eleito com autoridades. No entanto, a assessoria do político não divulgou com quem serão as conversas.

Ainda faltam definições para os ministérios do Trabalho, Cidades, Integração Nacional, Meio Ambiente, de Direitos Humanos, Mulheres, Minorias e Desenvolvimento Social e o de Minas e Energia. Porém, ainda não se sabe se algumas destas pastas serão fundidas ou perderão o status de ministério. O Congresso em Foco lista a seguir quais nomes já foram confirmados pelo presidente eleito:

- Casa Civil: Ônix Lorenzoni;

- Secretaria Geral da Presidência: Gustavo Bebianno;

- Secretaria de Governo: general Carlos Alberto dos Santos Cruz;

- Gabinete de Segurança Institucional: general Augusto Heleno;

- Economia: Paulo Guedes;

- Justiça e Segurança Pública: Sérgio Moro;

- Defesa: general Fernando Azevedo e Silva;

- Agricultura: Tereza Cristina;

- Educação: Ricardo Vélez;

- Saúde: Luiz Henrique Mandetta;

- Relações Exteriores: Ernesto Araújo;

- Ciência e Tecnologia: Marcos Pontes;

- Controladoria Geral da União (CGU): Wagner Rosário;

- Advocacia Geral da União (AGU): André Luiz Mendonça.

Agenda militar
Nesta semana Bolsonaro participa ainda de três formaturas de integrantes das Forças Armadas. Na quarta-feira (28) no Instituto Militar de Engenharia (IME), no Rio, na sexta-feira (30), da Escola Superior de Aperfeiçoamento de Oficiais, na Vila Militar, e no sábado (1º), da Academia das Agulhas Negras, onde ele se formou, em Resende, no interior do estado.

Porém, a expectativa é para o encontro do presidente eleito às 7h de quinta-feira (29) com o chefe do Conselho de Segurança Nacional dos Estados Unidos, John Bolton. A reunião foi confirmada pelo norte-americano e pela equipe de Bolsonaro. A pauta do encontro não foi divulgada.

Com informações da Agência Brasil. 

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!