PSTU oficializa nome de José Maria para Presidência

Fábio Góis 

O PSTU oficializou em convenção realizada neste sábado (26) o ex-operário do ABC José Maria de Almeida como candidato à Presidência da República. O anúncio da candidatura, na zona oeste paulista, reuniu cerca de 750 pessoas e coincidiu com o lançamento do programa de governo da legenda.


Dirigente do partido, José Maria declarou em seu discurso ser possível a execução da reforma agrária, com um governo que garanta salário e moradia dignos e aposentadoria integral. Para isso, disse o candidato, “é preciso romper as amarras que subordinam o país aos interesses do capital internacional”.


No discurso, José Maria reafirmou a velha receita partidária de radicalismo em relação às grandes potências mundiais. “Parar de pagar as dividas, estatizar o sistema financeiro e nacionalizar as multinacionais”, discursou, alfinetando o governo Lula.


“Precisamos desconstruir esta mistificação sobre o governo Lula para reconstruir o sonho de ter um verdadeiro governo dos trabalhadores”, fustigou o candidato, contestando a propaganda oficial do governo e dizendo que mais de 68 milhões de brasileiros passam fome. Em compensação, José Maria disse que um eventual retorno do PSDB ao poder não seria bom para o país.


O lançamento do programa de governo do PSTU foi realizado na Universidade de São Paulo, com a presença de intelectuais e especialistas em diversos temas.

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!