Manifestantes organizam protesto em defesa de Lula

Ato está marcado para o próximo dia 17 em frente ao Fórum de Barra Funda, em São Paulo, quando Lula irá prestar depoimento sobre apartamento tríplex no Guarujá

Manifestantes de diversos movimentos sociais organizam um protesto em defesa do ex-presidente Lula no próximo dia 17, quando o petista irá prestar depoimento sobre o apartamento tríplex no Guarujá, litoral de São Paulo. O ato está marcado para às 10h na porta do Fórum de Barra Funda, na capital paulista, onde será realizada a oitiva.

O petista é investigado por suspeita de ocultação de patrimônio. O apartamento no Guarujá estaria sendo preparado para a família de Lula, e as reformas ficaram por conta da empreiteira OAS, uma das empresas envolvidas na Operação Lava Jato. O ex-presidente nega ser proprietário do imóvel e argumenta que só havia uma opção de compra em nome de sua mulher, Marisa Letícia.

A manifestação é organizada pela Frente Brasil Popular em São Paulo, que reúne cerca de 50 organizações ligadas a movimentos sociais, além de partidos políticos como PT, PCdoB e PDT. “O ex-presidente representa a história de luta dos movimentos social e sindical e dos partidos políticos de esquerda. Todos nos sentimos atingidos com os constantes ataques feitos a Lula”, diz a nota divulgada pelo grupo.

No mesmo dia serão ouvidos Marisa Letícia, Léo Pinheiro, empreiteiro da OAS, e Igor Pontes, engenheiro que acompanhou Lula na visita ao apartamento.

Veja a íntegra da nota:

“Somos solidários a Lula!

Com o mote 'Lula eu defendo, Lula eu respeito!', a Frente Brasil Popular em São Paulo, que congrega diferentes movimentos social e sindical e os partidos políticos PT, PCdoB e PDT, repudia a forma seletiva como vêm sendo conduzidas as investigações da Operação da Lavo Jato.

Da mesma maneira, repudia a forma criminosa e manipuladora com que a mídia tradicional cobre e transmite as versões dos fatos, tendo como principal interesse atingir a imagem e a honra do ex-presidente Lula, figura emblemática na história política do Brasil.

O ex-presidente representa a história de luta dos movimentos social e sindical e dos partidos políticos de esquerda. Todos nos sentimos atingidos com os constantes ataques feitos a Lula.

A Frente Brasil Popular em São Paulo não aceitará a postura golpista e antidemocrática que tanto setores do poder Judiciário como a grande mídia tentam impor ao povo brasileiro.

Por isso, convocamos a todos e todas para um Ato em Defesa do ex-presidente Lula, no dia 17 de fevereiro de 2016, a partir das 10 horas, no Fórum Criminal da Barra Funda, na Avenida Doutor Abrahão Ribeiro, 313, no centro da capital paulista.

Frente Brasil Popular – SP”

Mais sobre o Brasil nas ruas

Mais sobre Lula

Continuar lendo