João Paulo Cunha (PT-SP)

O que há sobre o parlamentar no STF

No caso do mensalão, o STF condenou o ex-presidente da Câmara João Paulo Cunha (PT-SP), por peculato, corrupção passiva e lavagem de dinheiro, a nove anos e quatro meses de prisão em regime fechado mais R$ 370 mil em multas. Assim como todos os parlamentares do caso, ele nega a acusação de propinas, admitindo apenas acordos políticos.

Veja a lista com todos os parlamentares com pendências

Apoie o jornalismo independente e de qualidade:

Faça uma assinatura convencional ou digital da Revista Congresso em Foco!

 

Mais sobre processos

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!