Confira a íntegra do veto de Dilma ao reajuste do Judiciário

Ao vetar integralmente o projeto de lei que reajusta os salários dos servidores do Poder Judiciário em até 78,56%, a presidente Dilma Rousseff alegou que a proposta é inconstitucional e contraria o 'interesse público'

Ao vetar integralmente o projeto de lei que reajusta os salários dos servidores do Poder Judiciário em até 78,56%, a presidente Dilma Rousseff alegou que a proposta é inconstitucional e contraria o "interesse público". O veto ao Projeto de Lei 28/2015 está na edição de hoje (22) do Diário Oficial da União.

“Sua aprovação [do projeto] geraria impacto financeiro de R$ 25,7 bilhões para os próximos quatro anos, ao fim dos quais passaria dos R$ 10 bilhões por exercício. Um impacto dessa magnitude é contrário aos esforços necessários para o equilíbrio fiscal na gestão de recursos públicos”, argumentou a presidenta ao justificar o veto.

Confira a íntegra do veto presidencial ao reajuste no Poder Judiciário

Mais sobre ajuste fiscal

Continuar lendo