Câmara aprova MP que quebra monopólio da Casa da Moeda na fabricação de dinheiro

Encomenda de papel moeda e de moeda metálica só seria feita a fabricantes estrangeiros, na incapacidade de produção no Brasil

A Câmara dos deputados aprovou a Medida Provisória 745/2016, editada pelo presidente Michel Temer, que prevê a quebra do monopólio da Casa da Moeda para fabricar o dinheiro em circulação e autoriza o Banco Central a encomendar fora do país o papel moeda e a moeda metálica. Estas encomendas, segundo o texto aprovado, só seriam feitas em caso de emergência.  A matéria segue para votação em plenário.

Pelo texto negociado pelo relator da matéria, deputado Leonardo Quintão (PMDB-MG), as encomendas de dinheiro a indústrias estrangeiras só poderiam ser feitas quando as Casa da Moeda acumular um atraso de 15% no volume de papel moeda ou moeda metálica encomendada pelo Banco Central. A autoridade monetária fica obrigada, segundo o texto aprovado, a fazer as encomendas à Casa da Moeda até o dia 31 de julho do ano anterior ao prazo de entrega.

Mais sobre medidas provisórias

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!