“Calcinhaço”: mulheres fazem ato em única Assembleia sem deputadas

Um grupo de mulheres agendou para eta terça-feira (3)  a realização de um ato batizado de "Calcinhaço da Democracia", no Mato Grosso do Sul, estado que tem a única Assembleia Legislativa do país sem deputadas. Dentre as pautas de protesto está o pedido por mais atenção à pauta feminina.

> Mulheres pedem impeachment de Bolsonaro. Por que não?

Mato Grosso do Sul, desde 1987 não tinha uma Assembleia sem representação feminina. Em 2018, todas as 24 cadeiras foram ocupadas por homens. Como mostrou o jornal Folha de S. Paulo, em seus 40 anos de história, apenas 11 mulheres foram eleitas deputadas estaduais no estado, a maioria com ligações familiares com políticos.

Convocada por coletivos feministas ligados ao Psol e PT, o grupo pretende chamar a atenção para a falta de representatividade das mulheres no Legislativo local.

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!