Congresso em Foco

O embaixador da Palestina no Brasil, Ibrahim Alzeben, considerou inoportuna a abertura do escritório de negócios brasileiro em Jerusalém[fotografo]Valter Campanato/ABr[/fotografo]

Palestina chama embaixador de volta em reação à abertura de escritório brasileiro em Jerusalém

01.04.2019 07:52 2

2 respostas para “Palestina chama embaixador de volta em reação à abertura de escritório brasileiro em Jerusalém”

  1. Edison Sampaio disse:

    Dou razão à Palestina. O que tem Bolsonaro que meter a colher em confusão alheia, só para agradar Trump e Netanyahu? Bolsonaro é impetuoso e terminará caindo por causa disso. Talvez ele desconheça que os árabes muçulmanos são muito mais interessantes para os brasileiros do que os judeus sionistas, que não passam de invasores hegemônicos, egocêntricos e desprovidos de sentimentos humanitários. Os árabes compram muito mais do Brasil do que os judeus.
    Tenho a impressão de que Bolsonaro não tem agradado nem mesmo a seus ministros, especialmente os militares.

  2. ODIN disse:

    O Brasil não devia ter se metido nesse assunto, pois ambos, israelenses e palestino são doentes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.

Seja Membro do Congresso em Foco

Apoie

Newsletter Farol Político

Perspectivas exclusivas e a melhor análise do poder

assine

Receba notícias também via