STF: detentas trans e travestis podem escolher entre presídio feminino ou masculino

AntraLGBTQI+pandemiapessoas transRoberto barrososistema prisionalSTFtravestisviolência sexual
Comentários (3)
Comentar
  • Valdir

    Que balaio de gatos!
    Na boa?
    Tem “xθt@”, vai pro feminino
    Tem “pirθc@”, vai pro masculino
    Ponto final.

  • Jorge Teixeira Carneiro

    O problema é só de ”logística”.
    Tem que contratar ginecologistas para trabalhar em presídio masculino.
    E urologistas para trabalhar em presídio feminino.

  • Antonio teodoro de oliveira

    Isso não é igreja no momento que estamos vivendo é coisa do demônio que absurdo parece piada, não dá pra acreditar