Cármen Lúcia revê voto, e STF julga Moro suspeito em caso do triplex

Cármem Lúciaedson fachinGilmar MendesKassio Nunes MarquesLulaRicardo Lewandowskisegunda turmaSérgio MoroSTFsuspeição
Comentários (2)
Comentar
  • Edison Sampaio

    O que teria acontecido com Carmina para ela mudar seu voto em favor do Pixuleco e, pior, manchando a reputação ilibada de Moro? Há mistérios que acontecem na “corte” que são indecifráveis. Pensei, pensei e suspeito que Carminha, tão ponderada, foi ameaçada pelo esquadrão do crime que labuta no submundo… Sim, há um esquadrão do crime velando para que que os ladravazes da República permaneçam incólumes. Há muito interesse nisso. E acabei de me lembrar do caso do Ministro Joaquim Barbosa. Porque motivo ele renunciou a um cargo vitalício invejável? Não me diga que foi só por causa de embates sérios com Gilmar Mendes. Não, não, Gilmar Mendes não é capaz de ameaçar ninguém. Por esse eu ponho minha mão no fogo (áááiii!!!).

  • 13582196

    defendendo a adoção destas provas obtidas por hackeamento

    Abriu duas jurisprudências:

    Autorizou a violação constitucional do Sigilo Telefônico por qualquer pessoa sem necessidade de autorização judicial.
    Autorizou a aceitação de provas de origem ilegal por juízes.

    Já que nem os ministros do Supremo respeitam a constituição, podem fechar o STF!