Novas regras tornarão Prêmio Congresso em Foco mais dinâmico

André Oliveira

Premiação chega à 11ª edição com formato mais ágil

 

Pela primeira vez, nenhum(a) parlamentar poderá disputar neste ano a indicação para mais de uma categoria especial do Prêmio Congresso em Foco, seja na escolha que o público faz em votação na internet, seja na seleção do júri. A mudança, que já constava da versão preliminar do regulamento submetida a consulta pública, é uma das novidades das regras da premiação em 2018.

De acordo com o regulamento, cuja íntegra você pode ler aqui, os jurados e o público escolherão os homenageados em duas categorias especiais. Elas premiarão os parlamentares de melhor atuação na defesa da “Redução das Desigualdades Sociais” e no “Combate à Corrupção e ao Crime Organizado”. O regulamento admite, no entanto, que outras categorias especiais sejam criadas até 20 de junho, desde que as mudanças sejam divulgadas com destaque neste site.

O processo de votação pela internet se dará entre 1º e 31 de julho. Por sugestão recebida durante a fase de consulta pública, também cairá o número de congressistas nos quais cada pessoa poderá votar. Cada participante da votação pela internet poderá votar em somente um nome, nas categorias especiais. Antes, podia votar em até três.

Nas categorias gerais, que definirão os “Melhores Deputados” e “Melhores Senadores” do ano, cada pessoa poderá apontar no máximo dois senadores e três deputados – em vez de, respectivamente, cinco e dez, como ocorria anteriormente. O objetivo é dar maior dinamismo ao processo de votação eletrônica. Na prática, raros eram os internautas que votavam em muitos nomes em cada categoria.

Também em julho, serão definidos os deputados e senadores mais bem avaliados pelos jornalistas que cobrem as atividades do Congresso Nacional. Antes, eles podiam votar em até dez deputados e cinco senadores. Esses números caíram, respectivamente, para cinco e três. A escolha dos profissionais de imprensa será fiscalizada pelo Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Distrito Federal.

Como sempre, os votos recebidos pela internet somente serão validados após passarem por auditoria interna e por análise externa, a cargo da Associação Nacional dos Peritos Criminais Federais (APCF). Outra regra que permanece é aquela que impede que sejam votados parlamentares que respondem a inquéritos ou ações criminais no Supremo Tribunal Federal.

Fundador do Congresso em Foco e idealizador do projeto, Sylvio Costa acredita que o Prêmio Congresso em Foco tem tudo para superar as edições anteriores em 2018, quando será realizado pela 11ª vez,  em matéria de impacto, interesse e de participação popular. “As pessoas estão em busca de boas referências na política e estimular os cidadãos a buscá-las e identificá-las é exatamente o grande propósito do prêmio”, afirma o jornalista.

Ele acrescenta que a antecipação do calendário do prêmio, em razão das eleições, também poderá servir como uma espécie de “esquenta” para as escolhas que o eleitorado fará em outubro. Questionado sobre os riscos de premiar parlamentares num país dominado pela corrupção e por outras práticas políticas nefastas, Sylvio Costa responde: “O maior risco seria se omitir e não fazer nada enquanto todos os políticos são jogados na mesma vala, contribuindo para disseminar a lenda de que nenhum congressista é digno do mandato que recebeu”.

Segundo a ferramenta Stilingue, das milhões de postagens feitas sobre o prêmio no ano passado em sites, blogs e redes sociais, 78% foram positivas, 20% neutras e apenas 2% foram negativas.

Ainda não está fechada a lista final dos apoiadores do Prêmio Congresso em Foco 2018. Até o momento o projeto conta com o patrocínio da Ambev e com o apoio da  Associação dos Peritos Criminais Federais (APCF), da Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal (Anfip), Sindicato Nacional dos Procuradores da Fazenda Nacional (Sinprofaz), da Associação Nacional dos Advogados Públicos Federais (Anaf), da Associação Nacional dos Defensores Públicos Federais (Anadef), da Federação Brasileira de Associações de Fiscais de Tributos Estaduais (Febrafite) e do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Distrito Federal (SJPDF).

Veja o calendário da premiação neste ano:

<< Conheça o regulamento do Prêmio Congresso em Foco 2018

Continuar lendo