Deputados transformam plenário em palco de protesto contra prisão de Lula e obstruem votações. Veja o vídeo

Isabella Macedo / Congresso em Foco

Apoiadores de Lula tomam plenário e pedem “Lula livre”

 

Na primeira sessão após a prisão do ex-presidente Lula, deputados petistas e de partidos de oposição ao governo Temer transformaram o plenário da Câmara em palco de protesto no início da noite desta terça-feira (10). Entoando palavras de ordem, os parlamentares adentraram o centro das votações segurando cartazes e faixas com a frase “Lula livre”.

A bancada oposicionista, que reúne mais de 100 deputados na Câmara, posicionou-se nas tribunas e no centro do plenário, em uma espécie de obstrução política. Líderes como Paulo Pimenta (RS), do PT, e Orlando Silva (SP), do PCdoB, discursam e se revezam na tribuna afirmando que Lula é um preso político e foi condenado sem provas.

<< Depois de Lula, é hora de investigar, processar e prender Temer, Aécio e Alckmin, diz delegado da PF

<< “Manda este lixo janela abaixo aí”, diz homem a piloto de avião que levou Lula a Curitiba. Ouça o áudio

Enquanto os deputados discursavam em defesa do petista, o deputado Delegado Waldir (PSL-GO) tentava puxar um coro de “Lula ladrão” com outros deputados (veja no vídeo abaixo).

 

 

O líder petista Paulo Pimenta confirmou que a bancada oposicionista está em obstrução política na Câmara. PT, PCdoB, Psol, PSB e PDT declararam obstrução a toda a pauta de votação da Casa.

No momento, o comando da Câmara tenta votar o projeto de lei que cria o Sistema Único de Segurança Pública (Susp), mas a obstrução persiste em plenário. Na pauta de votações constam ainda proposições como o que regulamenta a atividade do lobby, que é recorrentemente associada à promiscuidade de parlamentares com empresas e outros grupos privados.

 

<< Militantes cercam Sindicato dos Metalúrgicos e impedem saída de Lula para a prisão; veja o vídeo

<< Gleisi confirma transferência da direção do PT para Curitiba, onde Lula está preso e Moro julga Lava Jato

Continuar lendo

Publicidade Publicidade