Congresso em Foco

Especial de natal do Porta dos Fundos [fotografo] reprodução/ Netflix [/reprodução]

Na véspera do Natal, produtora do Porta dos Fundos é alvo de ataque

24.12.2019 19:14 4

Publicidade

4 respostas para “Na véspera do Natal, produtora do Porta dos Fundos é alvo de ataque”

  1. Gilberto Bramante disse:

    Liberdade de expressão x politicamente correto…Em nome da liberdade de expressão até que ponto é politicamente correto ir com o que chamam de arte?
    Hoje, dentro do politicamente correto, não é admissível e nem vemos produções magoando a memória de personagens negros da nossa história ou personagens gays da nossa literatura e de outras artes.
    Não é mais permitido fazer piadinhas com gays – como existiram no passado através da arte de Costinha, Ary Toledo e outros. Mas hoje, fazer piadinhas de gosto duvidoso com personagens da fé cristã, atribuindo-lhes terem sido gays, isso pode? Os gays de hoje, amparados pela nova legislação e pelo politicamente correto merecem mais respeito do que nossos antepassados cristãos?
    A “arte” apresentada por esse grupo é isenta do politicamente correto, de responsabilidade quanto a ferir a fé cristã? Está fraca a inspiração desse grupo que para suas produções se volta agora para a religião, com essas interpretações/releituras escrachantes e debochadas?
    As Escrituras Sagradas não apontam que Jesus era gay e dado a libertinagens e demonstram sim que Ele não fazia acepção de pessoas, tinha piedade, caridade e amor incondicional para com todos, até mesmo para com aqueles que O maltrataram. Além disso, Ele veio à Terra não para se divertir com as libertinagens de um mundo decadente, mas com a dura missão de se sacrificar por nossa salvação.
    Seria normal e natural para esses atores x produtores verem suas mães ou seus filhos interpretados numa obra de arte como sendo o oposto do que são, com uma trilha de zombaria e escárnio?
    É incrível como esses atores e produtores justificam com suas intelectualidades esses atos que, se para eles não tem nada de ofensivo, magoam muito a nossa sensibilidade cristã.
    Já que para eles valores sagrados não importam, o que eu queria ver é se eles teriam coragem de escarnecer, produzir uma mínima brincadeirinha deles com a imagem, o nome, a biografia de Maomé. Queria ver se eles aguentariam as consequências violentas e até um estremecimento das nossas relações diplomáticas com os países de fé islâmica.
    Quem serão os que se dizem cristãos que escancarão seus dentes diante da Netflix ou da TV Globo para rir desse sacrilégio, desse ultraje aos símbolos tão sagrados para nós?
    Porque a CNBB, o universo católico não se manifesta em repúdio? Será porque, ao contrário de 1964, agora a Igreja Católica optou por se aliar à esquerda, essa esquerda que quer chafurdar na liberdade sem responsabilidade?
    Está em curso uma nova geração que crescerá aculturada com os novos costumes e naturalmente será mais compreensiva para com as diferenças, ao contrário de muitos de nós que herdamos uma cultura milenar conservadora e até intolerante para com os gays. Porém, muitos dos esclarecidos entre nós, principalmente aqueles que trazem no coração a compreensão, o respeito, o amor cristão para com todos, não somos zombadores e perseguidores de gays, pois temos a noção de que somos todos irmãos. Aliás, o politicamente correto não admite mais piadinhas com gays e afins. Porém, não se importa em pisotear nossos valores cristãos.
    Enquanto estamos a assimilar, a aceitar os novos costumes, nos conscientizando de que devemos respeito para com nossos irmãos gays, nos deparamos com esse escrachante espetáculo de deboche contra nossa fé cristã.
    Só me resta pensar que tudo está seguindo até a permissão de Deus acabar e lhes sobrevir a justiça, a ira de Deus.
    Já fomos avisados para não se assentar na roda dos escarnecedores (Salmos 1:1), que de Deus não se zomba, pois o que o homem semear isso também ceifará.(Gálatas 6:7).

    • Valdir disse:

      Excelente!

    • Rodrigo Homer disse:

      Depende, Gilberto. G@ys e negr0s, por exemplo, ao longo da história já foram tão desrespeitados…talvez seja por isso que hoje não se admite piadas desrespeitosas com eles. Ademais, g@y não é um ser humano? Porque seria desrespeito fazer humor dizendo que Jesus era g@y? Percebe a hipocrisia daquele que se diz cristão?

  2. darcy disse:

    Se essa “porta dos fundos” quer polemizar usando Jesus Cristo, então mereceu o ataque, ou então pode ter simulado tal ataque, simplesmente querendo se promover.
    Não deveria encontrar apoio neste site esquerdista, “congresso em foco”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.

Seja Membro do Congresso em Foco

Apoie

Newsletter Farol Político

Perspectivas exclusivas e a melhor análise do poder

assine

Receba notícias também via