Congresso em Foco

Guedes com parlamentares da Comissão de Orçamento: equipe econômica dependerá do humor do Congresso.[fotografo]Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil[/fotografo]

Novo secretário da Previdência defende reforma em 2019, dividida em duas partes

13.12.2018 07:52 16

Publicidade

16 respostas para “Novo secretário da Previdência defende reforma em 2019, dividida em duas partes”

  1. Guuh Gold disse:

    EXPLICANDO PARIDADE E INTEGRALIDADE QUE POLITICOS DIZEM SEREM PRIVILÉGIOS DO FUNCIONALISMO E QUE MUITA GENTE NEM SABE PORQUE É ASSIM E SAI CRITICANDO.
    FUNCIONARIOS PUBLICOS RECOLHEM 11% DE PREVIDENCIA SOBRE O SALÁRIO TOTAL.
    ENTÃO SE NA INICIATIVA PRIVADA A PESSOA TEM SALARIO DE 15.000,00 ELA IRA RECOLHER SOBRE O TETO DO INSS OU SEJA 8% SOBRE 5700,00, OU SEJA , 456,00.
    MESMO SALARIO DE 15.000,00 DO FUNCIONÁRIO PUBLICO RECOLHERÁ 11% SOBRE OS 15.000,00, OU SEJA, 1650,00. ISTO POSTO EU PERGUNTO , SE VOCE PAGA SUA PREVIDENCIA SOBRE SEU SALARIO TOTAL QUAL DEVE SER SEU SALARIO QUANDO APOSENTAR, PELO TETO CLARO QUE NÃO, ISSO É A INTEGRALIDADE.
    CIDADÃO COMUM QUE GANHA 15,000,00 APOSENTOU CONTINUA DESCONTANDO PREVIDÊNCIA NÃO!
    FUNCIONARIO PUBLICO APOSENTA CONTINUA DESCONTANDO PREVIDENCIA SIM, POR ISSO TEM DIREITO A PARIDADE DE RECEBER OS MESMOS REAJUSTES DE QUEM ESTA NA ATIVA, APOSENTA E ESTA PAGANDO A APOSENTADORIA DE QUEM
    ONDE ESTA O PRIVILÉGIO

  2. Moca Moca disse:

    fomos enganados por esses maluco do bolsonaro.ja foi provado que não ha deficit na previdencia. esses canalhas enxistem em reforma. não fala nada de tirar de quem tem muito. so o povo que se ferra.

  3. peterson disse:

    quero mais é que o povo tome naquele lugar mesmo, votaram nessa corja , agora aguenta, agora aderi ao quanto pior melhor, quero mais que de tudo errado pra este governo, porque se for bom pra eles será ruim pra nós, só analisar sem devaneios e fanatismo

  4. Cláudio disse:

    Os políticos roubam, roubam, roubam, roubam, roubam, roubam, roubam,
    roubam, roubam, mas no final sempre os servidores é quem pagam a conta,
    veja o que aconteceu no RJ, a quantos anos tomaram o governo de assalto e
    agora os servidores é quem são chamados para cobrir o rombo. Sr. Paulo
    Guedes, e os seus parças, os bancos e também as grandes empresas vão
    pagar a dívida bilionária que tem com a previdência? E o relatório final
    da CPI que apurou que a previdência é SUPERAVITÁRIA, será levado em
    conta? E os políticos, continuarão na mamata e com os privilégios?
    Militares idem? E o aumento dos ministros do STF gerando em efeito
    cascata bilionário, será revisto? Bancada ruralista dando o calote nos
    bancos, será cobrado? Desoneração fiscal, vai continuar? Não estou vendo
    muito diferença do governo que ainda nem entrou para o atual, ou seja,
    irão continuar governando para o grande capital.

  5. Antonio Carlos Jr Zamith disse:

    mesmo com essa reforma só vai dar um trégua. Tem que queimar a socialista CF88 e protetora dos corruptos e narcoterroristas para salvar o estado brasileiro do custo de maquina pública..

    • Maurício Rio Claro disse:

      só mais um vagabundo fascistóide que agora dá joinha em caixa 2, lavagem de dinheiro, improbidade administrativa, desvio de verba pública, fraude financeira e fraude ambiental, crimes da quadrilha que agora vota, apoia e defende. Além do mais lixo ignorante vai estudar um pouco, pois sequer você sabe o que deve ser socialista

      • Teresinha Winter disse:

        Ficam repetindo a velha ladainha como um disco rachado. Sem sair do lugar. Sem se informar. Ignorantes Defender que todo o dinheiro que o cidadão contribuir durante a vida vai pelo ralo. Quando chegar a hora de se aposentar, cadê a grana? Sumiu! Exatamente como aconteceu no Chile. Isso eles não contam.

  6. luciano damiao disse:

    Sobre o corte de mordomias e regalias dos políticos ninguém fala nada?

  7. Valter Schumaker disse:

    O senador paulo paim fez o relatório provando que a previdência não é deficitária cade…

    • Teresinha Winter disse:

      Eles não querem saber de nada. E não é por isso que está sendo feita essa e outras reformas. Não tem déficit nenhum e eles sabem, né? É simplesmente transferir mais dinheiro da base da pirâmide pra parte “superior”. Mais concentração de renda ainda. Querem implantar o sistema da Índia. As classes sociais, mas sem oficializar, como é lá. A pobreza institucionalizada, massacrada, bem definida. Como é de praxe.

    • Teresinha Winter disse:

      Esse sistema de previdência não deu certo no Chile, embora todas as mentiras contadas. Querem lavar as mãos como Pilatos, como se um governo não tivesse nada a ver com o povo. O governo só existe por causa do cidadão. E deve servir a ele. Mas aqui é o contrário, o cidadão é que deve servir ao governo, que, no caso, está representado pela ponta da pirâmide social. Ao chegar o tempo da aposentadoria, as pessoas verão que não há nada lá pra eles. Mas será tarde demais. E haverá suicídios aos montes, como houve e há no Chile. Quantos planos de capitalização previdenciária irão à falência até que uma pessoa possa se aposentar? Quantas vezes terá de começar do zero, porque a empresa anterior foi à falência fraudulenta pra ficar com a grana dos trabalhadores? Pois é. Mas não adianta falar com os bolsominions. Assim quiseram e todos vão pagar. Até quem votou nessa desgraça.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.

Seja Membro do Congresso em Foco

Apoie

Newsletter Farol Político

Perspectivas exclusivas e a melhor análise do poder

assine

Receba notícias também via