Congresso em Foco

Bolsonaro defende homicídio para acabar com “mimimi” de feminicídio em vídeo de 2017

e

09.03.2019 13:26 4

Publicidade

4 respostas para “Bolsonaro defende homicídio para acabar com “mimimi” de feminicídio em vídeo de 2017”

  1. Claudio Santos disse:

    O vídeo é de 2017. Estamos em 2019. É provável que os pensamentos de muitas pessoas tenham amadurecido.
    Em números redondos: em 2017 foram 60.000 homicídios no Brasil. Desses, 5.000 foram praticados contra mulheres (inclusos 946 feminicídios). Todos os outros 55.000 foram contra pessoas do sexo masculino.
    Me parece que quem gera essas estatísticas faz um trabalho pela metade. Simplesmente desconsidera-se que a morte de um homem possa ter sido provocada por este estar na condição ou aparentar ser homem.
    Partindo do ponto de que, antes de sermos homens, mulheres, gays, lésbicas ou trans todos são pessoas e, como tal, não há justificativa razoável para não terem os mesmos direitos e DEVERES, em nenhum momento as leis deveriam privilegiar ou desfavorecer este ou aquele pelo motivo do gênero em si. Mas apenas para atender às poucas (mas importantes) questões de ordem natural (exemplo: o natural é que a própria mãe cuide e amamente seu recém nascido, um homem só poderia fazê-lo de forma artificial e no caso de impedimento ou morte da mulher).
    ANTES DE SERMOS HOMENS ou MULHERES, SOMOS PESSOAS: CRIANÇAS, JOVENS, MADUROS OU SENIS, SOMOS GENTE, SERES VIVOS.

  2. Valdir disse:

    Os “jornalistas” já foram hoje? Se ainda não, então vão!
    O Presidente está focado em assuntos importantes para o Brasil, e não em fuxico de Candinhas!
    PÁTRIA AMADA BRASIL!

  3. Roberto Cunha disse:

    O cara chama feminicídio de “mimimi” e a ministra dele tem como ideia genial que os meninos levem flores para as meninas. Viu como é fácil resolver o “mimimi”? Parabéns para vc que elegeu essa anta …

    • Regis disse:

      Eu, elegi com muito orgulho, o presidente Bolsonaro e, sou mulher e também acho um mimimi ,esta história de feminicidio. O homicidio engloba, homens e mulheres.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.

Seja Membro do Congresso em Foco

Apoie

Newsletter Farol Político

Perspectivas exclusivas e a melhor análise do poder

assine

Receba notícias também via