Congresso em Foco

O procurador Deltan Dallagnol, coordenador da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba até o ano passado [fotografo]Pedro de Oliveira/Alep[/fotografo]

A absoluta constitucionalidade do trabalho do The Intercept

25.07.2019 17:57 3

Publicidade

3 respostas para “A absoluta constitucionalidade do trabalho do The Intercept”

  1. Raul Anduze disse:

    Classificar de “absoluta constitucionalidade” o trabalho do “The Intercept” é um julgamento precipitado.
    A Lei de Acesso às Informações permite solicitar informações públicas a órgãos competentes sem que seja necessário justificar a motivação . Mas as informações veiculadas não procederam de órgãos competentes, e foram obtidas de forma criminosa, como demonstra a prisão e depoimento dos hackers detidos pela PF esta semana.

    • Wisdenil Franco disse:

      Raul Anduze, o que você afirma: “…foram obtidas de forma criminosa, como demonstra a prisão e depoimento dos rackers “detidos” pela PF esta semana…”, como você afirma, é que é um verdadeiro julgamento precipitado. Completamente fora de tempo seu comentário, pois são “detidos”, não há, ainda, processo formal acusatório relacionando suas muitas (mais de 1.000) atividades ilícitas, com intuito de gerar benefícios próprios… só palavras, ou acusações de “detidos”, que falam o que se lhes pede para dizer, com intuito de amenizar suas futuras penas jurídicas. Creio que você não entendeu nada da “aula” jurídica exposta pela articulista, Professora da Cadeira de Direitos Humanos da UFRJ!
      Ademais, meu caro, é irrelevante a fonte, que está forçosamente sendo associada ao trabalho brilhante da Equipe de Jornalista do Intercept, com o intuito de “desacreditá-lo”! Bom você ler muito sobre isto: o fato da fonte vir de “hackers, ou não”, não invalida os diálogos e as tramóias articuladas e “registradas”, “substancialmente”, conforme manifestação de grande parte de Juristas Brasileiros e Internacionais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.

Seja Membro do Congresso em Foco

Apoie

Newsletter Farol Político

Perspectivas exclusivas e a melhor análise do poder

assine

Receba notícias também via