Congresso em Foco

General quer evitar a “ida ao brejo”: “The Mona Lisa”

General admite intervenção militar se houver clamor das ruas: “É um caso a se pensar”

15.12.2016 18:28 114

Reportagem

114 respostas para “General admite intervenção militar se houver clamor das ruas: “É um caso a se pensar””

  1. João Mauro disse:

    Só falta pedirmos de juelhos para atender esse clamor. Misericórdia!

  2. Assis da Silva disse:

    Escrever uma palavra para discutir sobre esse assunto é jogar tempo fora!
    Os brasileiro já estão acostumados a perder!

  3. ivo rangel disse:

    À anos que o povo do bem vem pedindo INTERVENÇÃO MILITAR, mas os generais insistem em fazer vistas grossas, deixando nos à mercê do STF e dos governantes comunistas inimigos da nação. Pedimos o REGIME MILITAR de volta

  4. ALMANAKUT BRASIL disse:

    Bela ditadura, Congresso em Foco!

    Não fuzilou seus opositores como fizeram as DITADURAS comunistas e deixou herança maldita pra saquear o Brasil!

  5. ALMANAKUT BRASIL disse:

    Imprensa pau-mandada tem que entrar no pau!

  6. luciano damiao disse:

    Temos que começar a espancar os políticos.

  7. ALMANAKUT BRASIL disse:

    No mais tardar, em 2018!

  8. Braz Ferreira da Fonseca disse:

    O exercito já tem prova de sobra para uma intervenção militar é só faze lo cumprir as obrigações com o povo o clamor popular já tem

  9. Hercules Lima disse:

    O que muitos se esquecem é de que uma intervenção militar para ser executada precisa ser aprovada pela maioria do Congresso Nacional, assim como foi em 1964. E aÍ? Resta, então nós mesmos intervirmos numa grande intervenção civil que essa sim poderá acionar a intervenção militar sem precisar passar pelo Congresso Nacional. A ordem é ocupar os três poderes em Brasília, declarar o prédio do Congresso Nacional como presídio público temporário. Obrigar os parlamentares a assinarem a Nova Constituição Federal que já foi elaborada pelo grupo do Facebook Soteros Brasileiros, executar o Plano Pós ocupação desse grupo, num governo provisório até voltar a ordem e o progresso no Brasil, decretar a intervenção militar até a nível municipal e, por fim, decretar novas eleições mas sem nenhum candidato investigado pela PF ou sob suspeita de corrupção.

  10. Eustáquio Costa disse:

    Quando eu atingi a idade para me inscrever nas Forças Armadas, fui dispensado por excesso de contingente. Não fosse isso eu poderia hoje ser um General, porque, valorizo muito as nossas Forças Armadas. Dito isso, eu penso que os nossos generais estão dormindo, porque, com o caos estabelecido no País, do meu ponto de vista a intervenção já vem tarde. Já deveria ter acontecido. Se fosse eu um comandante já a teria determinado. Digo isso com respeito às autoridades. Mas, afirmo, o pior pecado de todas as autoridades é a omissão, a inércia exagerada…

  11. Doutor Estranho disse:

    E pensar que o perfil de quem deseja tanto se sentir protegido dentro da “caserna” é o mesmo que fica puto qdo depois da balada regada a “balinha” e “docinho” a policia dá aquela blitze e dá aquele esculacho pq achou um baseado escondido na sua carteira e viu que seu nariz tá branco de pó nóia…

  12. Luiz Antonio Raymundo disse:

    Intervenção Militar JÁÁÁÁÁÁ´!

  13. Doris disse:

    O mais interessante é que continuam elegendo os corruptos e seus indicados !!

  14. Doris disse:

    Pelo que percebi partidos políticos e seus integrantes armaram pra cima do melhor presidente que o Brasil já teve, e armaram uma briga de foice com difamações e calunias tentando atingir Lula e Dilma e acabaram alastrando a podridão aos quatro cantos . Outro dia em uma festa falaram tão mau do PSDB , PMDB,DEM que acabei acreditando que foram os responsáveis por esta crise política que acabou numa crise afundando o Brasil . O jeito que penso ,seria mesmo um intervenção militar até 2018 , precisa -se de uma vassoura bem grande pra varrer essa quadrilha que se apoderou do poder. E tem mais não vão dar sossego pro Lula enquanto ele tiver a preferencia , não se importam com o destino do pais . O interesse mesmo é chegar novamente ao poder custe o que custar . Esses partidos principalmente os mais aparecidos na mídia
    é tão grande a dor de cotovelo que estão dando na cara . Não são dignos de ocuparem cargo algum !!!

  15. MxlBR disse:

    O problema da intervenção militar é que os administradores do país serão pessoas que não foram escolhidas pela população.

    Em que pese a população brasileira escolher mal, esta são as regras do jogo. Solução para o povo votar melhor, educação, somente isso.

    Há remédios paliativos, como campanha política se resumir a propaganda eleitoral em rádio, tv e internet, sendo proibidos comícios, panfletagem, carros de som, outdoor, etc… Obrigatório debate político nas três maiores emissoras de TV e fim de concessão prévia para exploração de televisão e rádio no País.

    Ah, sugiro ainda o fim da câmera dos deputados, fiquemos apenas com o Senado pra legislar, 81 senadores, com todas suas regalias, já é o suficiente para fazerem leis, porque fiscalizar o executivo, eles já delegaram ao TCU, CGU e MPE/MPF.

    Por fim, mas não menos importante, fim do voto e alistamento obrigatório. Vamos tratar o povo como adultos, é muita ingerência na minha “liberdade” para garantir minha “liberdade”.

  16. Belato disse:

    A verdade é que o momento atual do país é bem sério, isso é inegável, mas devemos tentar a todo custo a solução pela via democrática que ainda vivemos, fazendo manifestações sociais, reivindicações popular. Querer já chamar os militares para tomar o poder e resolver as coisas, é um equivoco grande e pode trazer danos irreparáveis ao país, como já historicamente ocorreu na época da ditadura. Então tem que se ter muito cuidado nessa ideia de chamar os militares, agora é claro que as instituições brasileiras também não podem vacilar muito, e o alerta fica mais para a classe politica, e o judiciário, que tem que ter bastante responsabilidade e pensarem mais no país como um todo, para que esse país não se afunde de vez.

  17. Herbert Luiz Braga Ferreira disse:

    O general pertence a uma geração que não entende e não quer entender o que diz a Constituição. O mundo mudou, a guerra fria acabou, o muro de Berlim ruiu, a URSS não existe mais, Cuba reatou os laços diplomáticos com os EUA e nossa crise se resolverá com ELEIÇÕES DIRETAS, entendeu General?

    • Eduardo P. disse:

      Mas não vai ter eleição agora. Vai ler a Constituição.

      • Herbert Luiz Braga Ferreira disse:

        Conheço perfeitamente a Constituição. Que seja. Mas teremos eleição em 2018. Golpes e intervenções militares só nos jogarão em mais
        atraso e nos apartarão ainda mais do mundo civilizado. Ditadura, nunca mais!

  18. Marcello Caetano disse:

    Este deveria ser preso imediatamente!

  19. Hilton Fraboni disse:

    Em 64 a classe média clamou pelos militares pelo mesmo motivo que hoje clama, o suposto resultado não seria diferente.
    Mas convenhamos que os três poderes com raras exceções formam uma grande pocilga.

  20. carmem disse:

    EU TBM NUNCA PENSEI MAS AGORA DIANTE DE UMA TROPA DE BANDIDOS ASSALTANDO A NOSSA NAÇAO CONSIDERO UMA INTERVENÇAO MILITAR INDIRETA CONSIDERAVEL ….ALGUEM TEM QUE ESTANCAR ESSA SANGRIA …….ACABEI DE LER QUE DUDA MENDONÇA AQUELE ENVOLVIDO NO ESCANDALO DO MENSALAO ACABA DE VENCER AO LADO DE OUTRAS 3 EMPRESAS ( TODAS AS EMPRESAS QUE VENCERAM TEM O NOME DO CONSELHEIRO DE TEMER ANTONIO LAVAREDA ) A DISPUTA PELA SEGUNDA MAIOR CONTA DE PUBLICIDADE DA ESPLANADA dos Ministérios: da Saúde,CUJA PREVISAO ORÇAMENTARIA E’ DE 205 MILHOES POR ANO !!!!!! …..O POVO BRASILEIRO NAO PRECISA DE PUBLICIDADE DE SAUDE ….PRECISAMOS DE HOSPITAIS …REMEDIOS ,,,MEDICOS ….O POVO MORRENDO NA PORTA DOS HOSPITAIS E ESSES ASSASSINOS PENSANDO EM PUBLICIDADE!!!!…..A FARRA DA CORRUPÇAO CONTINUA MESMO COM A LAVA JATO ….ELES SAO DESTEMIDOS …SEM VERGONHA …….MAU CARATER ……..REVOLTA TEM QUE SER AGORA …OU OS MILITARES OU O POVO NAS RUAS NAO DE MANEIRA PACIFICA ….PORQUE O CLAMOR NAS RUAS JA TEVE GENERAL…. MAS PARECE QUE NINGUEM QUIS OUVIR !!!!!!

  21. Eduardo Ferreira Braga disse:

    Mais um ‘direitista’ fascista, fanático, hipócrita, ‘pau mandado’ do imperialismo, ultrapassado e inconsequente, falando besteiras e ‘viajando na maionese’!… Os tempos são outros, senhor ‘milico’ das antigas e o que ficou faltando foi uma boa e necessária correção em todos vocês, que deveriam ter sido julgados, condenados e presos por ‘alta traição’ à pátria, ao povo e às instituições democráticas!… ‘Filhotes da ditadura’, falsos patriotas, traidores, que deveriam, sim, ter sido contra e impedido mais esse último golpe da direita reacionária, contra a nossa Democracia e contra o povo brasileiro!!!

    • Bento Sartori de Camargo disse:

      Cara vc adora ser roubado em tudo, principalmente a sua dignidade como cidadão que paga uma das maiores cargas tributárias do planeta com retorno medíocre para a sociedade. Chega de políticos patifes no poder!.

      • Eduardo Ferreira Braga disse:

        Respeito o seu posicionamento, mas, desculpe-me, nada justifica o arbítrio, a agressão e o desrespeito à Democracia, às instituições e à vontade majoritária popular!… Temos que ser contra a quaisquer tentativas de golpe, seja jurídico, político ou por intervencionismo militar, ou o que seja!… A nossa história comprova: todos os golpes de estado por que passamos, sempre da direita reacionária e fascista, nunca deram certo!… Aliás, muito pelo contrário, representaram atraso, arbitrariedades sem controle, endividamento do estado, pobreza extrema e caos social e político!… Outra coisa, não use a (sua) mesma ‘régua’ para generalizar atos, retidão ou falta dela, caráter, honestidade, compromisso com a verdade e com a justiça etc., pois, assim como políticos, como juízes, como policiais… enfim, como qualquer outro cidadão há, sim, àqueles muitos que se destacam e são honrados, honestos e não são hipócritas!… Dizer que essa ou aquela classe não presta, pondo todos numa mesma vala suja, além de ser um tremendo engano e uma maledicência repetitiva, inócua e injusta, corre-se o grande risco de ser igual a quem tanto se critica e/ou fazer parte do mesmo ‘jogo’, a fim de autodefesa!… Repare que, nos últimos tempos, isso vem acontecendo sistematicamente e em grande escala e, acredito, que vai crescer ainda mais!… Terminando, devo dizer-lhe que, em face de minha idade, passei por todo o período que antecedeu e o durante o regime ditatorial militar – cujas ‘justificativas’ foram as mesmas, ou seja, ‘corrupção’, ‘estado quebrado’ etc. etc. … -, e a corrupção e o desmantelamento e o endividamento do estado foram os maiores de toda a nossa história, sem contar que passamos a ser um dos ‘quintais’ do imperialismo ocidental. Servi ao Exército, chegando a cabo, e sempre vi todo o tipo de ‘maracutaias’ e corrupção em todos os níveis!… Quando dei baixa, voltando ao trabalho civil, informo-lhe que, pelo menos, em quatro empresas em que trabalhei haviam os famosos ‘testas de fero’ – àqueles, ‘preparados’ para subornarem as empresas públicas e privadas, a fim de se vencerem concorrências e conseguirem vantagens e benesses… tudo pago com o dinheiro ‘público’, advindos de contratos bilionários com as estruturas de poder vigentes à época!… E não podia se falar nada, porque havia forte censura e repressão constantes!… Advinha quem compunham o imenso quadro de ‘testas de ferro’ pelo Brasil afora?… Militares reformados e todos de alta patente!… Portanto, Bento Camargo, por pior que seja a Democracia, esta é infinitamente superior e melhor do que qualquer ditadura, imposta à força e sem o apoio maciço do povo, sem eleições livres e diretas! Leia mais, e muito, sobre a nossa história e a política!… Não se deixe enganar pela grande mídia fascista, sonegadora, devedora e muito, mas muito, corrupta, mentirosa, desonesta, ludibriadora e contra todos os princípios fundamentais da Democracia!… O que você acha que esse governo ‘ilegítimo’ está fazendo, a serviço de quem, de forma ditatorial e pusilânime???… Um abraço e obrigado pela atenção.

        • Bento Sartori de Camargo disse:

          Caro amigo Eduardo que bom podermos divergir sem agressões pessoais, isso é muito bacana. Lendo meu comentário não encontrará em nenhum momento a afirmação de “golpe militar” ou “regime militar”, muito pelo contrário lerá apenas “intervenção das FFAA” por tempo necessário e devolução aos civis em eleições diretas e livres, seria isso uma medida totalitária quando estamos vendo e vivendo as instituições democráticas se deteriorando dia a dia?. Um abraço e obrigado também!.

          • Eduardo Ferreira Braga disse:

            Sr. Bento Sartori de Camargo, compreendi e aceito suas novas ponderações e esclarecimento adicionais!… Na verdade, seu retorno à minha resposta serviu-me também como um elogio pessoal, que devolvo ao senhor com muito respeito e apreço! Obrigado e que tenhamos todos um 2017 mais tranquilo, sem maiores atribulações e que tudo seja bem melhor, em todos os sentidos.

          • Bento Sartori de Camargo disse:

            O que nos diferencia é exatamente essa visão cujo objetivo maior é fazermos o possível para que passemos um país menos injusto para a maioria, maioria onde estão inclusos nossos filhos, os netos enfim toda uma geração que nos substituirá. Agradeço sua manifestação a meu respeito e com certeza Eduardo, tenho aprendido coisas importantes com você também. Desejo a você e um ótimo final de ano e que o próximo seja com toda saúde e gratas realizações!.

          • Eduardo Ferreira Braga disse:

            Obrigado. Desejo o mesmo para você e a todos os seus entes queridos, entre familiares e amigos! Vivas a 2017!!!

    • Eduardo P. disse:

      Mais um comunista tentando desvirtuar tudo. “falso patriota” você encontra nos porões do comunismo no Brasil. Hipocrisia é só o que os partidos de esquerda pregaram até hoje no Brasil. Você acha que tem democracia, mas o que tem são pessoas de baixa renda sendo manipuladas.
      Teus amigos de esquerda não deram melhor educação para nossas crianças e adolescentes por um motivo, ficar no poder perpetuamente.
      Se tem alguém que ama seu país é aquele que jurou morrer por ele. O que gente como esses teus políticos comunistas sabem sobre isso?
      Não defendo golpe de nenhum lado, mas o golpe comunista foi dado e está caindo. Tão pouco defendo intervenção(que é legal), pois nosso povo não tem maturidade pra isso devido ao domínio da influência do pensamento comunista.

      • Eduardo Ferreira Braga disse:

        Sr. Eduardo P., acho que está havendo um grande equívoco com a sua interpretação do que realmente seja ‘comunismo’ e o que é ‘ideologia de esquerda’!… Vocês da ‘direita reacionária’ têm dificuldade de separar e entender diferenças e divergências de ideias e de opiniões!… Às vezes, confundem tudo e classificam pelo ‘geral’ ou pelo mínimo que sabem ou que ouvem falar!… Tem até gente que classifica os comunistas somente pela cor vermelha!… Fazer o quê?!… Bem, não vou me estender para não ser insultado gratuita e injustamente!… Teço minhas breves e modestas opiniões pelo ‘pouco’ de leitura que tenho e também pela vivência dos fatos e por experiência de vida!… O Sr. Bento Sartori de Camargo também ‘discordou’ do meu posicionamento e eu, em seguida, o respondi e justifiquei com humildade o meu ponto de vista, sem ofensas mútuas!… Recebi daquele a resposta, o que considerei um elogio e fiquei satisfeito e feliz! Enfim, para encerrar, devo esclarecer ao senhor que não sou um comunista, visto que, em termos de ideal, estou mais para um ‘socialista liberal’, mas sempre acreditando e lutando ‘à esquerda’ contra esse ‘fascismo’ da ‘direita tupiniquim’, que sempre esteve no poder e pouco ou nada fez pelo nosso Brasil. Fique em paz. Obrigado.

        • Eduardo P. disse:

          “Vocês da ‘direita reacionária’ têm dificuldade…”; “…pelo mínimo que sabem ou que ouvem falar!”; “…contra esse ‘fascismo’…” ; “…’direita tupiniquim’…”
          Claro que o Sr. adora ter um diálogo “sem ofensas “, isso fica bem claro no teu texto.
          Retire tudo o que o Governo Militar construiu (e não se esqueça do mobral) e depois tente, com toda sua ‘humildade’, estabelecer o cenário para o Brasil de hoje.
          O Sr. deve ter vivido muitas coisas de fato, porém não viveu tudo e tão pouco o que outros vivenciaram. Eu também conheço os livros e por isso mesmo não considero haver verdade absoluta em nenhum deles, e por isso que eu converso e ouço os que lutaram contra o avanço do comunismo no Brasil, os que lutaram na Itália e todos os outros que colocaram suas vidas em risco e perderam irmãos por um Brasil melhor. Esses homens e mulheres não se esconderam atras de máscaras e não atiraram nas costas de ninguém, eles também não traíram seus companheiros que o defenderam e cuidaram deles nos momentos mais difíceis.
          Vou lhe ensinar uma coisa que teus livros e tua vivência (por falta de oportunidade) não lhe ensinaram, nenhum militar ama a guerra, nenhum militar ama a violência ou tem prazer nela, mas todos eles juraram amar nossa Pátria e morrer por ela se for necessário. Quem duvidou disso pagou o preço.
          O Sr. deveria sentir orgulho dos militares que tem no seu País, pois eles morreriam pelo senhor sem lhe perguntar qual ideologia o Sr. segue.

          • Eduardo Ferreira Braga disse:

            Sr. Eduardo P., mais uma vez, não distorça o sentido de minhas palavras!… Eu não sou contra as Forças Armadas, pelas quais também tenho admiração e orgulho e, por conseguinte, não tenho ‘raiva’ dos militares, até porque fui um deles na minha juventude!… Somente divirjo daqueles que, como o senhor, tentam provar que o ‘governo ditador’ de 21 anos, após o golpe militar de 1964 (também midiático/político), significou a ‘salvação da pátria’, foi melhor e positivo! Não o foi, em todos os sentidos!!!… Desse modo, embora eu concorde em parte com muitos dos senhores, no tocante à desordem político-jurídica-institucional por que estamos passando, não vejo como uma boa e única saída a ‘intervenção militar’, ou quaisquer outras iniciativas que não sejam através dos meios civis e legais, republicanos e democráticos!… Se o senhor tivesse tido o interesse em ler os meus outros comentários, assim como eu tive ao ler todos os seus, teria percebido que minha vivência e consequente ‘muita experiência’ estão muito além do previsível, do achismo e do simplismo pelos quais o senhor supõe me ‘julgar’ e ‘aconselhar’!… De qualquer forma, valeu por tudo!… Agradeço a atenção e o respeito.

  22. Francisco disse:

    Ainda temos nossas riquezas minerais principalmente o Nióbio que daria somente para um salto em nossa soberania sem procedentes.Pergunto aos senhores; Com este estado democrático comandado por organização criminosa onde cerca de 60 % dos políticos tem processos judiciais e alguns são réus em primeira e segunda instância? A sociedade sofrendo, sendo assaltada todos os dias, assassinadas,sem médicos sem saneamento básico, Educação fracassada, as desigualdades efêmera e ainda temos que manter estes três poderes podres sugando nosso sangue?

  23. Francisco disse:

    Estou e acordo por uma intervenção militar.Se alguém é contrário, respeito ás opiniões contrarias.Vamos aos fatos.Desde da promulgação da Constituição em 1988, houve avanços e conseguimos a tão sonhada democratização.Acontece é que durante este período 1988 á 2015 poucos políticos e magistrados foram presos e teve seus bens confiscados.Se fizermos uma pesquisa minuciosa,á corrupção no brasil causa um prejuízo na casa dos trilhões! Em quase todas as operações da PF com provas robustas,os bandidos da organização criminosa, consegue contratar os maiores escritórios de Advocacia e sendo beneficiado através da constituição que foi escrita para garantir que a bandidagem tenha suas vantagem conquistada. Banestado, Carf, Zelotes, Sivan,, Anões do Orçamento, Compra de emendas parlamentar, Grilagem, e ainda o pior á Dívida Pública que nunca foi auditada

    • Bento Sartori de Camargo disse:

      Sem contar que temos uma das mais altas cargas tributárias do planeta com retorno medíocre para a sociedade. Chega de incompetência e roubalheira!.

  24. Luiz Carlos Fernandes Fernande disse:

    Só pra contribuir;
    LER,não entender,e vestir a carapuça de TRESLOUCADOS e MALUCOS.
    Quem fez tal comentário é patente de pijama , sem voz nenhuma , se gritar cai a dentadura..
    Fontes das forças armadas garantem que o discurso POLITICO do general NÃO TEM ECO na caserna ATUAL,formada por profissionais de outra geração.

    E a mídia toca a boiada.

  25. Geraldo Silva Jardim disse:

    chegou o MOMENTO DE PRENDER A MAIORIA DO JUDICIARIO, LEGISLATIVO, EXECUTIVO E EMPRESÁRIOS. E AS FORÇAS ARMADAS QUE CUIDEM DAS FRONTEIRAS PORQUE OS USA É QUE TRAMOU ESSE GOLPE!!! QUE NOS DEEM ELEIÇÕES GERAIS JÁ E DEIXEM O POVO DECIDIR!!! A MISSÃO AGORA É PRENDER TODOS DO STF, O AGENTE DA CIA QUE É O SERGIO MORO, O LEGISLATIVO QUASE TODO E OS NOMES DOS GOLPISTAS ESTAO LÁ. O EXECUTIVO SERIA O PRIMEIRO. AGORA DEEM A LIBERDADE DE DEMOCRACIA PARA O POVO! NAO SE ATREVAM DE TRAIR O BRASIL APOIANDO MAIS UM GOLPE DOS USA COMO ESSE FEITO EM 2016,

  26. Ermelindo Rodrigues disse:

    Vejam a opinião do Pai da Pesquisa Nuclear no Brasil.https://www.youtube.com/watch?v=XlcdR6rqGFI

  27. Gustavo Schwarz disse:

    Meu clamor popular e pela EXTINÇÃO das forças armadas. Atende meu Clamor Generaleco! Pra que servem? Bando de FAZNADA brincando de soldadinho….custam uma fortuna ao pais e não tem função nenhuma (defender fronteiras? soberania? ah, para!)

    • Jessé Augusto disse:

      Quem combate o tráfico de drogas nas fronteiras ? Quem socorre o povo em desmoronamentos em áreas esquecidas pelo governo ? Quem ajuda em acidentes de avião com desaparecidos como no caso q aconteceu recentemente do time de futebol ? Quem leva comida para povos carentes ? Quem assume o lugar da polícia em caso de greve ? Quem defenderia o país com a vida em caso de guerra, vc ? N conhece nada sobre os serviços militares. N passa de um “tresloucado”.

  28. Igor Bonemann disse:

    Esperando o quê pessoal?! Intervenção militar já! Já servi no Exército, e posso afirmar com total certeza que existe no militarismo uma gama muito grande de profissionais altamente capacitados na parte financeira, infra-estrutura, serviços investigativos, etc… Uma ditadura atual no país, não seria como o era antigamente…

    • Gustavo Schwarz disse:

      Igor, leve suas ideias para as URNAS e se elas passarem, ai sim. Caso contrario, e golpe.

      • Absdrubal Celestial disse:

        As urnas deste país não funcionam como deveriam. Nunca funcionarão em um país que não dá a mínima para a educação. Os analfabetos deste país são a grande maioria, pois se não o fossem, ladrões como Collor, Maluf, Lula jamais seriam REeleitos. Jamais teríamos analfabetos sendo eleitos. O Tiririca continuaria fazendo suas idiotices na TV, e não no Congresso. Mesmo com um judiciário falho, em um país com educação de base sólida, a justiça para estes vermes seria feita pelas urnas. Lula não conseguiria ser eleito nem para síndico de condomínio. As urnas deste país são um engodo.

      • Eduardo P. disse:

        Intervenção não é golpe. Está previsto em lei. Para de falar o que você não sabe.

    • Bento Sartori de Camargo disse:

      Sua opinião é um tanto conflitante, vc afirma em primeira mão “intervenção militar já” e ao final afirma “uma ditadura atual no país …”, é fundamental o foco de uma intervenção das FFAA com ações para botar ordem nesse galinheiro pelo tempo necessário e devolver aos civis novamente em eleições diretas e livres.

  29. Walldemar Sobrinho disse:

    A porção vagabunda da sociedade, hoje, é muito numerosa e baderneira. Vejam os protestos: ônibus queimado, criança mantando outra dentro de escola ocupada por esquerdistas, destruição de patrimônio privado, etc. O Estado tem medo dessa “gente” devido ao alto nível de delinqüência. Talvez seja hora de chamar as FFAA apenas para que não sejam mais usadas balas de borracha na contenção dos esquerdistas e que sejam melhor tratados, só isso.

  30. Alde Moraes disse:

    Se houver clamor das ruas? Ruas não clamam General. Clamor é um ato puramente humano e, até inumano. Lembre-se, que o povo brasileiro – com seu incurável complexo de vira-latas – só ocupa as ruas quando é conclamando por uma mídia manipuladora e parcial e, sempre em favor dos “maus”. As exceções que vão por outros motivos, sempre foram e continuam sendo minoria, por isso perderam para vocês e perderão para essa raça de corruptos e golpistas. Lembre-se ainda General, como foi que as Forças Armadas Brasileiras defenderam o Brasil e seu povo em 1964. Vocês não tirariam menos do povo, do que a PEC DO FIM DO MUNDO está tirando agora e os senhores tiraram em 21 anos. Tudo que as Forças Armadas não fazem, é defender nossa soberania, nosso povo, Parece-nos que sua única função é fazer nada ou, agir contra nós, apoiando quem nos ataca. No caso de intervenção militar, façam-nos um grande favor: “matem-nos de uma vez”, evitem as prisões, as perseguições, as torturas e o exílio. Será melhor para nós e mais econômico para os senhores.

  31. Marcos Paulo Pimenta disse:

    Pelo que percebi não somente o Judiciário está partidarizado, mas o coronel também. Já deu pra perceber que esse coronel não é patriota. Há os corruptos que tomaram o Congresso e o Planalto. Judiciário contaminado politicamente e a equipe da chamada República de Curitiba junto com o Janot traindo o país por estarem a serviço dos EUA. Até desenvolvimento tecnológico na área nuclear está sendo desmontado com a ajuda do Procurador Geral da República, o senhor Janot que já indícios de entregar documentos ao procuradores estadunidenses para criminalizar a Petrobrás. Nenhum país do mundo aceitaria que seu cidadão ou empresa fosse processado em outro país através de provas produzidas no seu país de origem. Parece que o almirante responsável pelo programa de nuclear brasileiro está sendo processado para facilitar o desmonte da nossa soberania. É tudo muito louco o que está acontecendo. Aqueles que foram eleitos heróis são na verdade traidores e criminosos que estão fazendo o serviço sujo para os americanos. Está evidente e muitos especialistas do mundo afirmam que os EUA abdicou das alianças e estratégias militares para dar golpe nos países que vão contra seus interesses geopolíticos e adotam alianças com as instituições do poder judiciário para dar golpe institucional mais sofisticado, pois não usam armas.

    • Ines Lobo Lustosa Cabral disse:

      Só rindo de seu comentário, tão alienado que é. Realmente o Brasil falhou muito no quesito escolas, educação e cultura. Pena

  32. Adriano Hendler disse:

    Só burro chama 1964 de golpe . O marechal castelo branco foi eleito é chamado pelo congresso seus comunistas cegos. Tudo doutrinado , , não querem ver a verdade. General fala em intervenção , que é algo legitimo para defender o povo e meia dúzia de amante de ditador vermelho já pula toda raivosa. Os partidos comunistas do Brasil roubaram trilhões , mandam mais de 100 mil país de família pra vala com os vagabundos ladroes soltos pelas ruas e isso vcs vermelhos não dizem nada . Burros do caralho

    • Gustavo Schwarz disse:

      Adriano, eu não sou burro. Eu acho que 64 foi golpe, sim. E tenho uma penca de motivos para acreditar nisso. E eu não sou de esquerda. E eu não vou te devolver a ofensa, exatamente para ficar claro como somos DIFERENTES!

  33. Ines Lobo Lustosa Cabral disse:

    Precisamos de mais generais como este.

  34. Sandra G. de Lema disse:

    Erraram afastando Dilma para atender aos desejos de uma elite preconceituosa que não aceitou perder a eleição. Erraram elegendo Cunha; Bolsonaro e outros, como salvadores da Pátria. Novamente, a cegueira do orgulho doentio poderá fazer nosso país cometer o pior dos enganos. Por pior que seja, na Democracia, mais cedo ou mais tarde, os corruptos são desmascarados e há liberdade de expressão escrita e falada.

    • Alde Moraes disse:

      Deixa Sandra G. de Lema. É inútil querer ensinar burro a ler. E, dessa vez eu ajudarei os militares a prender, torturar e exilar seus apoiadores. Eles só precisarão de um telefonema anônimo, para invadir a casa do senhor Adriano Hendler, por exemplo, e, fuzilá-lo como um traidor da pátria. Depende do teor da denúncia. Mas, se o senhor Adriano Hendler, não se importa com isso, por que eu haveria de me importar?

    • Ines Lobo Lustosa Cabral disse:

      Dilma, Lula , PT são iguais a TEMER, Renan, barbalho, Jucá, PMDB , PSDB, PP, PDT, PSOL , PCB, REDE, DEM , PPS, Odebrecht, Camargo Correia, Andrade Gutierrz. São todos da mesma facção criminosa que tomou os 3 Poderes.

      • Ricardo Pinto disse:

        e vc acha que os milicos são os vestais da probidade, os grandes ascetas, os paladinos da moral e dos bons costumes? vc acredita em papai noel e coelhinho da páscoa também? vai vomitar essas tuas asneiras nos fóruns da caserna, lambe coturnos!

        • Eduardo P. disse:

          Cara eu ia te humilhar aqui, mas apenas vou dizer que quem acabou de demonstrar que acredita em “papai noel e coelhinho da páscoa” é você. “asneiras” é comportamento de asno, o teu comportamento ofensivo chaga a ser pior que isso.

      • Bento Sartori de Camargo disse:

        Exato Ines, são todas verdadeiras “máfias politiqueiras” travestidas de partidos políticos. Chega de político patife no poder, o único lugar deles é apodrecer no xilindró sem a menor piedade e rapar tudo que tiverem, deixando os caras na maior merda financeira para que outros “candidatos a patife” fiquem espertos.

  35. Don Julio El Porteño disse:

    É inevitável e demorou!

  36. mariossergio disse:

    O caos está generalizado. A quem recorrer?

    Os poderes Executivo e Legislativo atolados até o pescoço em corrupção. O Judiciário (leia STF) com o rabo preso a eles.

    As Forças Armadas tem suas deficiências. Militares não são bons administradores, dão valor excessivo à hierarquia, são violentos, não permitem ser contestados. Enquanto o pecado dos políticos é a avareza, querem meter a mão em tudo que puderem, o pecado das Forças Armadas é a soberba.

    Mas apelar a quem? Bombeiros? Igreja? OAB? Evangélicos? Sindicatos?

    Se a triste experiência anterior servir para alguma coisa, talvez seja nossa única saída. Talvez.

    Nunca pensei que um dia iria dizer isto…

    • Alde Moraes disse:

      O Senhor esqueceu de dizer, mariosergio, que os órgãos $TF/MPF/PF/PL, são bem piores do que os outros dois poderes. Estão tão podres que seu fedor exala à distâncias, nunca dantes imaginadas. Poderiam ter evitado tudo isso, porém, ao contrário se juntaram ao Legislativo para dá o golpe e afundar o pais de vez.

    • Paulo disse:

      Como insinua o artigo, a maioria oposicionista atual não é mais a população apartidária, coesa, anticorrupção, mas apenas os adeptos da oposição impedida recentemente. A continuar o acirramento no desenrolar dos acontecimentos, o melhor nunca vai acontecer nem nas próximas eleições, quando poderá voltar ,ainda com mais força ,o fantasma do passado recentíssimo.
      Acho também que a volta do militarismo é a única solução para a atual crise, mas não que ache isso a melhor solução.
      Infelizmente o país não está preparado para a luta democrática e portanto, somos forçados a aceitar a intervenção.

    • Feanissil Twillena disse:

      A unica solução é a revolução.

    • Mauro Tatiyama disse:

      Como muitos retardados dizem, vamos chamar os superamigos para nos defender, o Batman e o Robin, tem também o Super-Homem, o Hulk, a Mulher Maravilha, e outros em vez das Forças Armadas.

    • Francisco disse:

      Pelo menos, o crime organizado seria extinto da república e jamais este estado dantesco de corrupção não se perpetuava.Crime organizado na cadeia ou fuzilados..

    • Elizabeth Tete disse:

      Oi eu queria saber se uma pessoa fosse ao congresso falar sobre um abaixo assinado, onde a proposta seria do exército fazer uma limpa no governo, será que eles poderiam fazê-lo já que o trabalho deles é zelar pelo bem estar do povo.

  37. Gustavo Schwarz disse:

    Milico não pensa, milico MARCHA!

    • Jessé Augusto disse:

      Olá, passei pra “Escola de Formação de Oficiais da Marinha Mercante” (EFOMM), “Academia da Força Aérea” (AFA), “Escola de Especialistas de Aeronáutica” (EEAr), “Escola de Sargento das Armas” (EsSA) e “Escola Preparatória de Cadetes do Exército” (EsPCEx). Pretendo assumir essa última aprovação mencionada e me tornar um futuro oficial do Exército. Estudei durante 5 anos para conseguir td q consegui. Estudei: História, geografia, literatura, gramática, matemática, física, química e produção textual. Acho q militar pensa sim meu amigo, mais q a maioria dos civis ignorantes como vc q desistiria na hr q visse uma dessas provas q fiz e passei !

  38. Gustavo Schwarz disse:

    Se as forças armadas sairem as ruas para tomar o poder, ou seja, REEDITAREM O GOLPE DE 64, por causa dessa bagunça entre juizes e legisladores, grande parte dos brasileiros vão para as ruas tambem, e nosso pais vai virar praça de guerra. Eu não admito ser mandado ou comandado por milico!

    • Ines Lobo Lustosa Cabral disse:

      Claro, prefere ser governado por bandidos,que vendem leis . Prefere ser governado e legislado por facções criminosas travestidas de legisladores, governantes e empresários.

      • Alde Moraes disse:

        E, não existe outra opção Ines Lobo Lustosa Cabral? Só temos essas duas? Somos 204 milhões de acéfalos, incapazes de conduzir nossos próprios destinos? Ou uma manada de boi, que se deixa levar ao matadouro sem dá um único coice em nossos algozes e carrascos?

        • Ines Lobo Lustosa Cabral disse:

          Qual sua sugestão?

          • Gustavo Schwarz disse:

            Golpe Militar que não….

          • Ines Lobo Lustosa Cabral disse:

            Qual a sua sugestão? Nossos governantes e políticos e legisladores vendiam MPs, PECs, Leis para grupos economicos . Veja a declaração: “O propósito da empresa era manter uma relação frequente de concessões financeiras e pedidos de apoio com esses políticos, em típica situação de privatização indevida de agentes políticos em favor de interesses empresariais nem sempre republicanos”
            Cláudio Melo Filho,(Odebrecht) em sua delação

          • Hilton Fraboni disse:

            Permita-me! Educação, voto consciente, leis severas e rápida s, pressão popular, mudança do regime republicano representativo pelo parlamentarista simples onde o eleitor votaria apenas nos partidos que definiriam seus candidatos na convenção interna e as cadeiras seriam ocupadas em número proporcional aos votos obtidos pelos partidos.

          • Hilton Fraboni disse:

            Isso baratearia as campanhas em 60%, acabaria com os conchavos e acabaria com 80% dos partidos de alugueis.

          • Valdir disse:

            Hilton, permita-me!
            Desde quando e quantas vezes o povo tem ido às ruas, enviam propostas de mudanças, pressionam seus representantes em quem votaram, e o que os políticos que devem promover tais mudanças fazem?
            Desvirtuam o que o povo quer e ainda por cima a gente assiste os corruptos dizerem no plenário que são eles que mandam. E pior, estão passando o bastão para seus descendentes. Pelo voto, nos parece impossível mudar o que aí está hoje!

          • Bruno disse:

            “partidos que definiriam seus candidatos na convenção interna”
            Posso estar errado, mas dessa forma não seria tão ruim quanto o sistema em vigor hoje?

          • Marcello Caetano disse:

            A minha é respeitar a Constituição.

          • Bento Sartori de Camargo disse:

            Isso é o mínimo que qualquer cidadão tem o dever cívico de respeitar. Fale de algo que tenha influência positiva em pessoas, de preferência doando algo de sua pessoa espontaneamente.

          • Ines Lobo Lustosa Cabral disse:

            Como se o Congresso a desrespeita vendendo leis , medidas provisórias e Pecs para grupos econômicos?Este Congresso , este presidente, a anterior, os anteriores, ( Temer, Dilma, Lula, FHC) são podres, desrespeitam/desrespeitaram a constituição. O país precisa de novas eleições gerais, e nenhum político atual pode ser candidato. Para organizar isto e governar neste período só os militares.

          • Marcello Caetano disse:

            Falou asneira de novo.

          • Ines Lobo Lustosa Cabral disse:

            Leu as notícias de hoje? http://www1.folha.uol.com.br/poder/2016/12/1842953-medidas-aprovadas-no-congresso-renderam-r-84-bi-a-odebrecht.shtml?cmpid=compfb
            Mas se você gosta de ser roubado por políticos e grupos econômicos poderosos, fazer o quê? Sinto muito por você e seus iguais.

        • Bento Sartori de Camargo disse:

          Respeito sua opinião mas vc esquece que nossa “pirâmide social” tem uma base muito grande e é exatamente nessa base que as máfias politiqueiras travestidos de “partidos políticos” atuam intensamente, pois tem certeza da mais absoluta ignorância política e a maioria deles negociam seu voto com a “maior naturalidade” por qualquer porcaria ou um pequeno valor monetário ou uma necessidade imediata. Não é por acaso que existem inúmeros lixos políticos “eleitos” e ainda “reeleitos” graças a essa maioria que desconhece o que é democracia e também cidadania, fica nítido que se temos uma maioria de votantes ruins, é impossível querer políticos que sejam diferentes. Enquanto essa equação não for invertida veremos apenas mais do mesmo mudando apenas a cor. Estamos longe, mas muito longe de uma verdadeira democracia.

          • Marcello Caetano disse:

            O que você já fez para inverter a equação?

          • Bento Sartori de Camargo disse:

            Olá Marcello boa pergunta, não só já fiz como estou fazendo nesse momento utilizando esta ferramenta para divulgar ao máximo as bases de um modelo menos injusto para as futuras gerações. Esses posicionamentos que eu e tantas outras pessoas fazem é um dos caminhos para a busca de uma justiça social para todos e claro, diferenciada para quem merece ou seja: para quem é eficiente e tem mais méritos. No município que resido estou como presidente do Conselho Municipal de Saúde e como vc deve saber os Conselhos Municipais são deliberativos e não há remuneração e com certeza não participaria se fosse remunerado. O colegiado teve muitos enfrentamentos com o gestor e obtivemos sucesso por agir estritamente dentro da legislação e por ai vai … e vc o que tem feito?

          • Ines Lobo Lustosa Cabral disse:

            Procuro nunca reeleger ninguém para nenhum cargo e votar em fichas limpas.

      • Gustavo Schwarz disse:

        Não prefiro não. Fale por você amigo. Mas milico não vai mandar na minha vida….

        • Bento Sartori de Camargo disse:

          Respeito sua posição, mas se puder ajudar informo que as FFAA não existem para governar. Elas apenas estão devidamente preparadas para a defesa da nação numa agressão externa ou intervir internamente quando as instituições estiverem oferecendo risco para a paz social. E como deve ter visto pela mídia que quando ocorre uma catástrofe da natureza ai os “milicos” são lembrados para prestarem toda e qualquer tipo de ajuda, pois são treinados para darem a própria vida para salvar a dos outros, inclusive a sua. Gostaria de lembrar também que durante o período militar nunca se soube de algum general que passou pela presidência que tenha ficado milionário, ou com recursos em paraísos fiscais ou tenha multiplicado várias vezes o seu patrimônio como vemos hoje com nossos “queridos políticos escolhidos” que estão se vendo loucos nas mãos da PF e do MPF. Gostaria que repensasse o conceito sobre os militares para apenas uma intervenção, fechar Congresso e Senado, botar essa corja de políticos safados para correr e se houver resistência é só eliminar, em seguida reformular todo esse emaranhado de leis inúteis, botando ordem no galinheiro pelo tempo necessário e entregar aos civis novamente em eleições diretas e livres para tentarem mais uma vez levar esse RICO país a ocupar o seu merecido lugar no comboio mundial como uma locomotiva e não como apenas um vagão.

          • Valdir disse:

            Meu amigo, esse pessoal não tem jeito. Só aceitariam se fosse o Maduro. Aí eles ficariam felizes da vida! Se sentiriam no paraiso.

          • Eduardo P. disse:

            Intervenção não é Golpe. Em uma intervenção a Lei já prevê o período em que se deverá reorganizar as eleições diretas.
            Por favor não compare nada disso com 1964.

          • Bento Sartori de Camargo disse:

            Sim, nada a ver com aquela época, hoje o contexto é bem diferente basta ser normal para perceber.

          • Marcio Mariano Galvão disse:

            em 64 não existia facção criminosa rsrsrs

        • Eduardo P. disse:

          Se refere a militares com esse tom ridículo, mas se não fosse pelos “milicos” este país ainda estaria engatinhando no jogo mundial. Vale te lembrar, digo, informar que os “milicos” a quem você nunca vai se subordinar (eles não iam te querer mesmo) formar a organização mais bem vista pelo brasileiro, essa organização é extremamente respeitada por outras forças do mundo, tem uma das 10 melhores escolas de oficiais do mundo, tem tropas de elite que se equiparam às melhores do mundo, tem uma das maiores execuções orçamentárias do governo federal, tem o menor índice de corrupção do Brasil. Além disso tudo, os “milicos” estão sempre dispostos a garantir a soberania do nosso país, além de fazer mais que a Constituição pede.
          Você não quer ser “mandado” por “milico”, então fica aí sendo escravizado por esses políticos que nem ensino médio tem, tão pouco conhecimento para administrar qualquer coisa.

      • Bento Sartori de Camargo disse:

        Falou tudo Ines!…

      • Bruno disse:

        Você é tão inocente assim? Se houvesse ditadura novamente você não poderia nem estar comentando aqui. Aliás, nem esse site não poderia mais existir. Adeus liberdade.

        • Ines Lobo Lustosa Cabral disse:

          Vivi na época dos militares. Era ÒTIMO!

        • Marcio Mariano Galvão disse:

          Bruno , seja otário não pow, estamos no ano de 2017 meu querido, estamos em 64 não !!! e todos que eu conheço que viveram aquela época diziam que era um tempo de paz, bandido na rua nem pensar !!! bem diferente do que vemos hj, pois eles estão no congresso , senado , stf e todo orgão público existente no Brasil, se liga boy , passa vergonha não 😛

    • Bento Sartori de Camargo disse:

      Respeito seu ponto de vista Gustavo mas é fundamental separar o que é um “golpe militar” e outra coisa que é “intervenção das FFAA”. são eventos bem diferentes.

    • Marcio Mariano Galvão disse:

      Claro, tu quer ser mandado por político ou seja, és um bandido também !!!
      Somente as forças armadas vão salvar nosso país independente de não ser a solução ideal , mas são há única opção no momento, Senado , câmara e STF infestado de corruptos , não há pra onde correr !!! Só sobrou eles !!

    • Talvez vossa senhoria prefira o PCC ou o Comando Vermelho mandando no senhor, como já estão mandando no país.
      Durante o regime militar eu estudava, respeitava professores, honrava os símbolos nacionais e podia trabalhar ainda menor de idade. Não vivia no fluxo do funk e não pichava muros. Já reparou nas esquinas, quantos meninos na vadiagem? A sociedade está desorganizada e o crime cada vez mais organizado.
      Nunca um milico precisou me enquadrar;

  39. calilo disse:

    do jeito que as coisas estão indo,tudo e possível

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.

Seja Membro do Congresso em Foco

Apoie

Newsletter Farol Político

Perspectivas exclusivas e a melhor análise do poder

assine

Receba notícias também via