Publicação distorce informações do Congresso em Foco sobre Tabata Amaral

Circula nas redes sociais a reprodução de uma parte do Radar do Congresso - plataforma de dados do Congresso em Foco - que diz que a deputada federal Tabata Amaral (PDT-SP) é mais governista que a média da Câmara. A imagem, entretanto, está fora de contexto e apresenta, na verdade, a comparação de Tabata com as outras duas deputadas federais do PDT: Flávia Morais (PDT/GO) e Silvia Cristina (PDT/RO).

Vamos aos números para deixar mais clara a distorção.

Nas 423 votações nominais que aconteceram na Câmara dos Deputados desde o dia primeiro de fevereiro de 2020 até este 15 de março de 2021, 76% dos votos de todos os deputados coincidiram com a orientação do líder do governo.

 No caso da deputada Tabata, o índice é de 56%, ou seja, 20 pontos percentuais a menos que a média da Câmara. Informações detalhadas da deputada podem ser vistas aqui. O Radar do Congresso é atualizado semanalmente, portanto os números desta semana podem ser alterados.

O print que circula já com milhares de compartilhamentos nas redes sociais - e não será reproduzido aqui para evitar o aumento de sua exposição - foi recortado de modo a excluir a informação de que a seleção feita é a apenas a comparação de Tabata com as duas colegas de bancada, não com toda a Câmara.

As informações detalhadas sobre o governismo de todos os deputados federais e senadores estão disponíveis no Radar do Congresso e podem ser acessadas aqui.

Continuar lendo