Parlamentares da oposição recebem ameaças pela aprovação do voto impresso

Deputados que integram a bancada da minoria na Câmara dos Deputados, relataram que têm recebido ameaças de grupos apoiadores do presidente Jair Bolsonaro para a aprovação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 135/2019, que institui o voto impresso. A proposta está na pauta do plenário da Casa desta terça-feira (10), mas foi rejeitada na semana passada pela Comissão Especial.

De acordo com a deputada Perpetua Almeida (PCdoB-AC), as ameaças começaram desde a votação na Comissão Especial. “Eles não deixam a gente em paz”, relatou a parlamentar. Segundo ela, as mensagens chegam através do WhatsApp. Os parlamentares relatam que, em uma das ameaças, os bolsonaristas dizem que caso votem contra o voto auditável, não poderão andar nas ruas.

A deputada Talíria Petrone (PSOL-RJ) postou em seu Twitter que tem recebido mensagens pelo instagram. Elas se intensificaram com a crítica da parlamentar sobre o desfile dos blindados que aconteceu na manhã desta terça-feira (10) na Esplanada. Em tom de ameaça, as mensagens contém xingamentos e palavras de baixo calão. De acordo com a assessoria da deputada, ligações com “ataques pesados” também estão sendo feitas ao gabinete parlamentar.

“A defesa do presidente genocida é violenta! A farsa do voto impresso precisa ser derrotada para enterrarmos o golpismo”, disse a deputada.

O deputado Chico D’Angelo (PDT-RJ), teve o número de telefone vazado na semana passada. De lá pra cá, tem recebido mensagens com ameaças de apoiadores do presidente Jair Bolsonaro. “Mensagens bem mal educadas”, definiu uma fonte próxima ao deputado. O parlamentar também está recebendo as mensagens através das suas páginas no Facebook e Instagram.

Assessores dos gabinetes parlamentares relatam que as ligações começaram na última segunda-feira (9) e seguem até a tarde desta terça (10).

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito.
Mantenha o Congresso em Foco na frente.
JUNTE-SE A NÓS

Continuar lendo