Líder do governo fala em acordo para derrubar parcialmente vetos de Bolsonaro

O líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), mencionou nesta terça-feira (24) a possibilidade de ser feito um acordo para que o Congresso Nacional derrube apenas uma parcela dos vetos presidenciais.

O senador disse que de 10 a 16 vetos podem ser derrubados se o acordo for aceito.

Deputados e senadores analisam na noite desta terça vetos presidenciais e o orçamento federal para 2020.

O ponto mais polêmico é o que trata do projeto de lei que regulamenta o abuso de autoridade. O presidente Jair Bolsonaro vetou 36 dispositivos do projeto.

O emedebista falou sobre a existência de três grupos no Senado:

"Grupo que  defende a manutenção integral dos vetos, que deve ter um pouco mais de 30 senadores. Outro grupo que defende a derrubada total, que deve ter outros 30 senadores. Um terceiro grupo, entre 15 e 20 senadores, que defende a aprovação de um acordo para que se possa derrubar alguns vetos e se possa manter outros tantos", disse durante sessão plenária.

Bezerra afirma que o sentimento de derrubada de vetos é maior da Câmara dos Deputados do que no Senado Federal.

Busca e apreensão no Senado

Fernando Bezerra Coelho foi alvo na quinta-feira (19) de um mandado de busca e apreensão da Polícia Federal. Um dos endereços autorizados pela PF foi o seu gabinete de líder do Senado.

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), foi nesta terça-feira ao STF (Supremo Tribunal Federal) conversar com o presidente da Corte, Dias Toffoli, e entregar um pedido para que os efeitos da busca e apreensão sejam anulados.

No dia da ação da PF, Bezerra colocou o cargo de líder do governo à disposição de Bolsonaro.

"Falei por telefone e ele me pediu para aguardar até o retorno dele", disse o senador ao afirmar que o Bolsonaro só tomará decisão a partir de quarta-feira (25), quando volta de viagem dos Estados Unidos.

>Governo avalia se mantém Bezerra como líder no Senado

> Bolsonaro diz que Ministério Público comete abusos

 

 

 

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!