Presidente da OAB vai ao STF contra Bolsonaro

O presidente da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), Felipe Santa Cruz, vai entrar com uma ação no STF (Supremo Tribunal Federal) contra o presidente Jair Bolsonaro.

Santa Cruz quer que o político do PSL diga as informações que afirma ter sobre o desaparecimento de Fernando Santo Cruz, pai do presidente da OAB.

A informação foi confirmada nesta segunda-feira (29) em nota divulgada pela OAB.

"O presidente da OAB vai interpelar o presidente da República no STF para que o presidente esclareça as informações que diz ter sobre a morte de seu pai, reconhecido como desaparecido. As circunstâncias do seu desaparecimento nunca foram esclarecidas pelo Estado".

O pai de Felipe Santa Cruz era integrante do grupo Ação Popular, que era contra o o governo militar. Ele foi preso em 1974 e desapareceu desde essa data.

Em entrevista no Palácio da Alvorada na manhã desta segunda-feira, Bolsonaro atacou Santa Cruz ao falar sobre seu pai desaparecido político no período da Ditadura Militar. "Um dia, se o presidente da OAB quiser saber como é que o pai dele desapareceu no período militar, eu conto pra ele. Ele não vai querer ouvir a verdade", disse o político do PSL.

O dirigente da OAB respondeu a declaração nesta segunda-feira e disse que falta empatia no presidente.

 

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!