Bolsonaro diz que “novos personagens” do RJ querem difamá-lo

O presidente Jair Bolsonaro compartilhou neste sábado (28) um vídeo no Twitter no qual artistas e políticos dão declarações dando como certa a derrota do militar reformado nas eleições presidenciais de 2018.

Entre as personalidades estão os políticos Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Aécio Neves (PSDB), Geraldo Alckmin (PSDB), Guilherme Boulos (Psol) e  os comentaristas da BandNewsFM Reinaldo Azevedo e Carlos Andreazza.

O vídeo é acompanhado por uma mensagem na qual Bolsonaro afirma, sem citar nomes, que personagens do Rio de Janeiro se uniram aos seus primeiros críticos.

"Esses mesmos atores continuam ressentidos, e tudo fazem para sabotar o Governo. Novos personagens, agora do RJ, se unem a esses, com a mesma intenção: caluniar e difamar o PR Jair Bolsonaro".

> Marcado por Queiroz, Flávio submerge na articulação política

Após demonstrar a intenção de concorrer ao Palácio do Planalto em 2022, o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), se envolveu em atritos públicos contra Bolsonaro.

No dia 21 de novembro, durante a primeira convenção do Aliança Pelo Brasil, o presidente acusou Witzel de estar envolvido em uma trama junto com setores da polícia civil do Rio de Janeiro e com a Rede Globo para prejudicar o governo federal.

> Após saída de Bolsonaro, PSL marca jantar com Witzel para debater 2020

> Bolsonaro decide sair do PSL e fundar novo partido

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!