PT e PMDB perderam 2,3 milhões de votos na Câmara

Com 1,3 milhão de votos a menos do que em 2010, petistas foram os que mais perderam votos para deputado. Peemedebistas foram superados por tucanos, que tiveram a segunda maior votação. Veja quantos votos cada partido recebeu

Com cinco novos partidos, a distribuição de votos se acentuou na Câmara. PT e PMDB, as duas legendas preferenciais dos eleitores brasileiros, pioraram seus desempenhos nas urnas. Apesar dos petistas terem conseguido manter a primeira colocação, os peemedebistas caíram para terceiro no último domingo. De quebra, viram o PSDB ultrapassá-los no votação proporcional.

 

Veja a lista com a votação de todos os partidos

Ainda que permaneça na liderança entre os partidos campeões de votos para a Câmara Federal, o PT registrou na eleição de 2014 sua quarta queda consecutiva em número total de sufrágios para o parlamento. A legenda recebeu no último domingo 14,8 milhões de votos para deputado federal, 1,3 milhão a menos em relação ao pleito de 2010.

Levantamento feito pelo Congresso em Foco também mostra mudanças no desempenho do PMDB, que sempre aproveitou sua força no parlamento para barganhar espaços no poder Executivo. Apesar de continuar representativo, o PMDB perdeu a segunda posição nacional para o PSDB.

Mais de 13,2 milhões de eleitores optaram por candidatos tucanos para a Câmara dos Deputados, contra 11,5 milhões que deram seus votos a postulantes do PMDB. Nas duas eleições gerais anteriores, em 2006 e 2010, o PMDB havia sido superado apenas pelo PT.

Em 2006 o partido comandado pelo vice-presidente da República, Michel Temer, conquistou 13,5 milhões de votos Há quatro anos, o desempenho da legenda já apresentou uma queda no quantitativo de votos, para 12,5 milhões. A eleição de 2014 evidenciou a perda de outros 1 milhão de votos para federal, o que custou a perda da segunda posição para o PSDB.

As eleições de domingo foram a pia batismal de cinco novos partidos. Disputaram o pleito PSD, SD, Pros, PEN e PPL. Destes, a legenda com o melhor desempenho foi a criada pelo ex-prefeito de São Paulo Gilberto Kassab. Os pessedistas atingiram a sexta colocação com 5.993.520 votos. Juntas, todas as siglas somaram 11.916.901 votos.

A lista completa

Mais sobre eleições 2014

Assine a Revista Congresso em Foco

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!