Presidente da Comissão de Orçamento nega acesso a manifestantes

Presidente da CMO, deputado Devanir Ribeiro disse que a decisão de não dar acesso aos manifestantes ao plenário da comissão foi tomada pelo presidente da Câmara, Henrique Alves, após ouvido o Departamento de Polícia Legislativa da Casa

O presidente da Comissão Mista de Orçamento, deputado Devanir Ribeiro (PT-SP), acaba de negar um pedido do líder do DEM, deputado Mendonça Filho (PE), para que a reunião do colegiado, que acontece neste momento, seja aberta aos manifestantes que estão do lado de fora gritando palavras de ordem contra o governo e contra o projeto que vai ser discutido nesta noite – o PLN 36/14, que altera o cálculo do superavit primário.

Ribeiro disse que a decisão de não dar acesso aos manifestantes ao plenário da comissão foi tomada pelo presidente da Câmara dos Deputados, após ouvido o Departamento de Polícia Legislativa da Casa. Segundo Ribeiro, cabe ao presidente definir normas sobre a segurança da Câmara. Só tiveram acesso os parlamentares e pessoas credenciadas, como assessores de partidos e jornalistas.

Parlamentares da oposição criticaram a decisão, que, segundo eles, não tem amparo regimental.

Neste momento, deputados e senadores discutem a ata da reunião passada. A oposição já anunciou que vai usar todos os expedientes regimentais para dificultar a votação do projeto.

O plenário do colegiado está lotado, e diversos líderes partidários da Câmara e do Senado acompanham a discussão.

Mais sobre o orçamento

Assine a Revista Congresso em Foco

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!