Mulher toma banho em plena Esplanada; veja o vídeo

Fábio Góis

A TV Globo tem na sua grade de programação uma minissérie que, inspirada na obra de Stanislaw Ponte Preta (pseudônimo do escritor Sérgio Porto) e dirigida pelo veterano Daniel Filho, retrata ao estilo “a vida como ela é” as delícias e desventuras da mulher brasileira. “As cariocas”, exibida em 2010, tinha em seu elenco beldades celestiais como Aline Moraes, Alessandra Negrini, Paola Oliveira e Cintia Rosa – esta, “a internauta da Mangueira”, um escândalo de ébano capaz de causar pane em qualquer sistema de computação.

Na transposição da ficção para a realidade, uma equipe do SBT flagrou na última quinta-feira (7) uma cena que, se não enche os olhos, serve ao menos para aliviar a tensão na Esplanada em tempos de propina no Ministério dos Transportes. Era tarde, a secura da Brasília dessas épocas impunha o contato da água e, pra quem não dispõe de condições mínimas, as piscinas do Itamaraty e do Palácio da Justiça, bem como os espelhos d'água do Congresso, insinuavam-se a céu aberto. Pois uma senhora não resistiu aos encantos e à placidez oficiais.

Leia mais

Rápido e afiado

Rápido e afiado

Serenamente, a senhora tirou a roupa de cima e, de calcinha e sutiã, largou seu corpo um pouco fora do peso nas águas do Palácio do Itamaraty. Foram dois minutos de banho ao sol, sem qualquer interferência de seguranças, nas turvas águas do templo da diplomacia brasileira. A equipe do telejornal local não teve dúvidas: não só produziu um vídeozinho simpático, devidamente veiculado no dia seguinte, como brincou com a situação ao descrever a inusitada ação da “desinibida da Esplanada”. Tudo isso ao som de “Borbulhas de amor”, do cantor cearense Fagner. Um deleite.

Confira:

 

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!