Jornais: Brasil compra 36 caças suecos por US$ 4,5 bi

Preço ficou abaixo do estimado pelo mercado. Acordo prevê transferência de tecnologia e participação do Brasil no desenvolvimento do Gripen NG, modelo nunca testado em operações reais e cujo protótipo só voou 300 horas

O GLOBO

Brasil compra 36 caças suecos por US$ 4,5 bi

Depois de um processo que se arrastou por mais de 12 anos, o governo brasileiro anunciou que comprará 36 caças Gripen NG, da empresa sueca Saab. A negociação foi fechada por US$ 4,5 bilhões, abaixo do estimado pelo mercado (US$ 7 bilhões). O acordo prevê ampla transferência de tecnologia e participação do Brasil no desenvolvimento do Gripen NG, modelo nunca testado em operações reais e cujo protótipo só voou 300 horas até hoje. O caça sueco, preferido da FAB, desbancou o Rafale, da francesa Dassault, e o F-18 Super Hornet, da Boeing. O escândalo de espionagem influenciou na decisão contra o avião americano.

As vantagens, segundo o governo

US$ 4,5 bi - É o preço da compra dos 36 caças suecos, valor abaixo das propostas das outras empresas concorrentes.

Transferência de tecnologia - A Saab se comprometeu com a transferência integral dos códigos-fonte do sistema de armas.

Propriedade de patente - O acordo permite que o Brasil detenha Protótipo, patente sobre os sistemas produzidos em conjunto pelos dois países.

Pós-crise global: BC dos EUA reduz os estímulos

O banco central americano anunciou que começará a retirar estímulos dados à economia na esteira da crise de 2008. As compras mensais de títulos serão reduzidas em US$ 10 bi a partir de janeiro, o que deve elevar a cotação do dólar no Brasil.

Míriam Leitão: decisão abre nova ordem na economia mundial

Reforma ministerial: Dilma afirma que Mantega ficará

A presidente Dilma disse que até o carnaval trocará dez ministros que disputarão as eleições, e que Guido Mantega ficará na Fazenda.

Até para mensaleiros: Planalto abre cofre e aprova Orçamento

Na corrida para aprovar o Orçamento 2014, o Planalto empenhou R$ 1,4 bi em emendas. Até mensaleiros tiveram sua cota.

Comissão de Obama propõe limites à espionagem

Uma comissão criada pela Casa Branca fez 46 recomendações para limitar o programa de vigilância da NSA. Entre elas, novos critérios para a espionagem de líderes estrangeiros e de armazenamento de dados. A ONU aprovou resolução proposta por Brasil e Alemanha para coibir a espionagem.

Rússia decide anistiar ativistas

O Parlamento russo aprovou anistia para acusados e condenados por vandalismo. Medida beneficia integrantes do Greenpeace, entre eles a brasileira Ana Paula Maciel, e do Pussy Riot.

Refúgio e dor

Aterrorizados por confrontos, 20 mil sul-sudaneses procuraram abrigo em área da ONU. O país mais jovem do mundo está sob ameaça de guerra civil.

 

O ESTADO DE S. PAULO

Brasil pagará US$ 4,5 bi por 36 caças da Suécia

O governo anunciou ter optado pela compra dos caças Gripen NG para equipar a Força Aérea Brasileira. Os aviões suecos, fabricados pela Saab, venceram a concorrência com o francês Rafale, da Dassault, e o americano F/A-18, da Boeing. Está prevista a compra de 36 aeronaves, por US$ 4,5 bilhões, com entrega até 2023. O comandante da Aeronáutica, brigadeiro Juniti Saito, disse que o preço será “pechinchado ao máximo”. O processo de escolha dos caças durou 18 anos. Há alguns meses, a presidente Dilma Rousseff se inclinara pelos F/A-18, mas mudou de ideia por causa da espionagem do governo dos EUA. De acordo com fonte do Planalto, a decisão pelas aeronaves americanas estava avançada no meio do ano e Dilma poderia até anunciar o acordo em visita oficial aos EUA, que foi cancelada. Antes de comunicar a decisão, Dilma conversou com Lula. Ele preferia o Rafale. A escolha do Gripen também respondeu a lobby do PT.

Dilma: reajuste de gasolina é temeridade

Dilma Rousseff classificou como “temeridade" a fórmula sugerida pela Petrobrás de reajuste automático da gasolina quando houver aumento dos combustíveis no mercado internacional.

ONU aprova resolução do Brasil sobre espionagem

A Assembleia-Geral da ONU aprovou ontem a proposta de Brasil e Alemanha que estende à internet o direito à privacidade já previsto na Declaração Internacional dos Direitos. A nova resolução não prevê punição para quem descumpri-la, mas tem o peso político de um texto apoiado por quase 200 países, até mesmo seu principal alvo, os Estados Unidos. O texto conclama os Estados-membros da ONU a respeitar e determina que os cidadãos não podem “ser submetidos a ingerências arbitrárias ou ilegais em sua vida privada”. A assegurar o respeito à privacidade e proposta foi criada após a revelação de que os EUA espionavam governos, cidadãos e empresas de países, aliados ou não, entre eles o Brasil.

Limites

Uma comissão recomendou à Casa Branca que reduza os poderes da NSA para conduzir espionagem virtual.

Fed reduz estímulo nos EUA e alivia mercado

Convencido de que os sinais recentes de recuperação da economia americana são sólidos, o Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA) anunciou que reduzirá gradualmente o valor das compras de ativos iniciadas há 15 meses com o objetivo de estimular o crescimento. E indicou que as taxas básicas de juros devem permanecer próximas de zero até o fim de 2015, mesmo que o desemprego caia. O mercado reagiu com euforia à decisão, lida como indicador de solidez da recuperação econômica.

Congresso devolve mandato a Jango

Rússia anistia ativistas do Greenpeace

Kombi não será mais fabricada, diz Contran

STJ mantém veto à alta do IPTU em São Paulo

O Superior Tribunal de Justiça negou a cassação da liminar que proibiu a Prefeitura de reajustar o IPTU em 2014 em até 35%. Ainda cabe recurso ao STF, mas os boletos de cobrança do imposto devem começar a ser emitidos até o dia 28.

Dora Kramer: teoria do leão

O senador Aécio Neves e o governador Eduardo Campos não vão poder correr da presidente Dilma o tempo todo de mãos dadas.

Veríssimo: os escrúpulos

Assinar o AI-5 pode ter sido um drama de consciência para alguns, mas foi a desobrigação com qualquer escrúpulo que liberou a mão do torturador.

Notas & Informações: o orçamento e o vale-tudo

Qualquer seriedade nas contas públicas nos próximos 12 meses será algo novo nesse governo.

 

CORREIO BRAZILIENSE

Mais R$ 16 milhões para mordomia de deputados

O recesso no Congresso já estava decretado quando parlamentares resolveram aprovar para eles mesmos um senhor presentão de Natal. Por decisão da Mesa Diretora da Câmara, a partir de janeiro haverá mais dinheiro para o cotão, verba que gastam com passagens aéreas, divulgação do mandato, alimentação, telefonia, combustível e outros mimos. O valor, que varia de acordo com o estado do deputado—hoje de R$ 25,9 mil (para os do DF) a R$ 38,6 mil (para os de Roraima) —, subirá para R$ 27,9 mil a R$ 41,6 mil por mês. O custo da regalia, que sai do bolso dos brasileiros que pagam impostos, será de R$ 1,3 milhões, totalizando R$ 16 milhões no fim do ano. No início deste ano, os deputados já haviam se concedido um aumento do cotão e do auxílio-moradia, cujo gasto somado chegou a R$ 23 milhões anuais.

Enquanto isso na Papuda...

Desde que os condenados do mensalão chegaram com suas regalias e abriram uma crise na Vara de Execuções Penais, o clima no presídio se deteriorou, inclusive com o temor de uma rebelião. Magistrados, agentes penitenciários, PMs e presos andam com os nervos à flor da pele.

Crise global: BC dos EUA deixa o mundo aliviado

Governos e mercados, que esperavam aflitos pela notícia, comemoraram o anúncio do Federal Reserve de que a redução dos estímulos à economia americana começará em janeiro e será gradual. Para conter a disparada do dólar no Brasil, o Banco Central venderá pelo menos US$ 24 bilhões nos primeiros seis meses de 2014.

Caos aéreo: passagens caras, atrasos e greve

Passageiros enfrentam tumultos antes mesmo da paralisação dos aeroviários prevista para amanhã. Empresas elevam tarifas.

O voo de US$ 4,5 bilhões

Depois de 12 anos de indefinições, que atravessaram governos de três presidentes, o Brasil anuncia a compra de 36 Gripens NG, da Suécia. Os primeiros aviões devem chegar em 2018.

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!