Em dia de protestos, grupos preparam vigília por impeachment de Dilma

Integrantes dos Revoltados Online e do Vem pra Rua vão se juntar aos manifestantes do Movimento Brasil Livre no gramado em frente ao Congresso Nacional. Há protestos marcados em 47 cidades do país neste domingo

Grupos que pedem o impeachment da presidente Dilma Rousseff organizam uma vigília, a partir das 21h deste domingo (15), no gramado em frente ao Congresso Nacional. A ideia dos manifestantes do Vem pra rua e do Revoltados Online é se juntar aos integrantes do Movimento Brasil Livre (MBL) que já estão acampados no local desde o último dia 20. A vigília, segundo os organizadores, deve se estender até a madrugada. O MBL estima que pelo menos 3 mil pessoas do movimento participarão do ato.

No começo da manhã, um grupo de manifestantes se concentra em frente ao Museu da República, no Eixo Monumental, de onde deve seguir para a Esplanada dos Ministérios. Assim como Brasília, outras 46 cidades devem ser palco de protestos pelo impeachment da presidente neste domingo, dia em que se comemoram os 126 anos da proclamação da República. Pelo menos 17 capitais têm manifestações confirmadas.

No Rio de Janeiro e em São Paulo, os protestos estão previstos para começar às 15h. A movimentação nas redes sociais, principal meio de comunicação entre os manifestantes, é mais baixa em comparação aos protestos anteriores. Em 15 de março, quase 2 milhões de pessoas foram às ruas protestar contra o governo e a corrupção.

Mais sobre o Brasil nas ruas

Mais sobre impeachment

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!