Em reportagem que cita o Congresso em Foco, jornal dos EUA mostra baixa assiduidade de parlamentares

Wall Street Journal diz que presença de deputados caiu 63% desde que começou a Copa do Mundo

Uma reportagem do jornal norte-ameriano Wall Street Journal que menciona o Congresso em Foco revela a baixa assiduidade dos parlamentares desde que começou a Copa do Mundo. De acordo com a notícia, “os campeões de absenteísmo foram os legisladores do país”. “Desde que o torneio começou no dia 12 de junho o prédio modernista em que os deputados e senadores se reúnem na capital brasileira virou uma cidade fantasma”.

Na Câmara, a média de presença caiu 63% segundo dados da própria Casa Legislativa. Em média, só 100 deputados por dia comparecem para trabalhar. No Senado, houve cancelamento de uma reunião com o presidente do Banco Central, Alexandre Tombini. Motivo? Os senadores não apareceram. “Os representantes têm sido tão notáveis em sua ausência no Congresso quanto o centroavante brasileiro Fred em frente ao gol dos seus oponentes”, ironizou o Wall Street Journal.

Em entrevista à publicação, o fundador do Congresso em Foco, Sylvio Costa, destaca não se recordar de algum deputado ou senador cassado por faltar ao trabalho, apesar de isso estar previsto na Constituição.

O Wall Street Journal destacou ainda que, apesar das faltas, os salários e benefícios dos parlamentares continuam os mesmos. Além do salário de quase R$ 27 mil por mês, uma série de benefícios eleva esse custo para cerca de R$ 140 mil mensais. Veja aqui.

Leia a reportagem do Wall Street Journal:

Em português – em inglês

Mais sobre assiduidade

Assine a Revista Congresso em Foco em versão digital ou impressa

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!