Congresso em Foco

Justiça determinou retirada de vídeo em que Edir Macedo, dono da Record, comparou pessoas da comunidade Lgbt+ a criminosos. Foto: Divulgação

Homofobia

Justiça determina remoção de conteúdos homofóbicos na Record

29.11.2023 15:34 1

Notícia Em
Publicidade

Uma resposta para “Justiça determina remoção de conteúdos homofóbicos na Record”

  1. pedro@congressoemfoco.com.br O Brasil, Ministério das Comunicações, Justiça devem investigar minuciosamente tudo sobre falsos profetas que usam e abusam da fé de pessoas fragilizadas, mentiras; captam bens de pessoas vulneráveis às suas garras, vivem no luxo, desdenhando dos outros. Eu não preciso de assessoria pra comunicar-me com Deus(não está perdoando essa gentalha)!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.

Seja Membro do Congresso em Foco

Apoie

Receba notícias também via