Congresso em Foco

[fotografo] O então presidente do Senado, Renan Calheiros (MDB-AL) conduz sessão deliberativa. Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado - 22.ago.2013 [/fotografo]

Senado pagará em janeiro mais de R$ 100 mil para cada senador reeleito

28.11.2018 12:15 14

Publicidade

14 respostas para “Senado pagará em janeiro mais de R$ 100 mil para cada senador reeleito”

  1. celso vasconcellos disse:

    São uns canalhas. Sempre em conluio com “alguns” do STF para troca de favores.

  2. neli faria disse:

    Pela EXTINÇÃO do Senado. Unicameralismo, já!

  3. wzfr disse:

    IMORAIS, CANALHAS, VERMES, O CONGRESSO NACIONAL E O $TF NAO PRESTAM, ESSES BANDIDOS LEGISLAM EM CAUSA PROPRIA PARA ROUBAR E LESAR A PÁTRIA. TRABALHAMOS PARA SUSTENTAR AS MORDOMIAS DESSES VERMES, O BRASIL ESTARIA MUITO MELHOR E MAIS RICO SEM CONGRESSO NACIONAL E $TF. C A N A L H A S, V E R M E S…….

  4. Bento Sartori de Camargo disse:

    Parlamentares imorais, safados e corruptos. É inconcebível “votar” nesses verdadeiros “lesa pátria”. Corja de ratos de esgoto!!!. Chega de politiqueiros no Poder.

  5. valdir xavier disse:

    Isto é roubalheira legalizada.

  6. Hideraldo Hito disse:

    Torcer pra que esta farra acabe no próximo governo.
    VERMES.

    • silas disse:

      Também espero. Esse Renan devia é estar em cana junto com aécio & caterva. Mas os eleitores deles SÃO FIÉIS E BURROS…SOBRA PRA NÓS, QUE AINDA PENSAMOS O ÔNUS DE TODA ESSA FARRA…

  7. Valdir disse:

    R$ 101.000,00. Considerando que um trabalhador da iniciativa privada contribui por 35 anos para receber um teto de R 5.500,00 e em poucos anos tem a aposentadoria reduzida a R$ 2.000 em média, estamos falando em 4 anos de remuneração dos pobres trabalhadores. Só tem um adjetivo para esses vagabundos: FDPs!
    Por isso o desarmamento da população!

    • silas disse:

      BINGO ! DESCOBRIU…ESTATUTO DO DESARMAMENTO É UM MECANISMO PARA QUE A POPULAÇÃO DECENTE FIQUE À MERCÊ DESSA MERDA DESSA (IN)SEGURANÇA PÚBLICA, COM POLICIAIS DESAJUSTADOS, MUITOS CORRUPTOS, OUTROS VAGABUNDOS E OMISSOS. OS POUCOS CORRETOS QUE SOBRAM, NÃO DÃO CONTA. AÍ A BANDIDAGEM DEITA E ROLA…E MATA…E ROUBA…E ESTUPRA…E VENDE DROGAS…E SEQUESTRA…

  8. AO543 disse:

    O SENADO mais uma vez deu uma FACADA NAS COSTAS de CADA BRASILEIRO. AS FORÇAS ARMADAS DORMIRAM em BERÇO ESPLENDIDO. Não tiveram a coragem para fazer a INTERVENÇÂO MILITAR NO STF,STJ,SENADO,CONGRESSO e PGR. Agora todo BRASILEIRO terá de PAGAR por esse BENEFICIO que alguns CACIQUES DO SENADO vão receber e ainda tenham certeza que a RECEITA FEDERAL NÂO PODERÁ COBRAR 1 CENTAVO de IMPOSTO DE RENDA DESSES CORRUPTOS que afundam o BRASIL.

    • silas disse:

      Não é só o Senado não, amigão…O pinguim de geladeira do temer sancionou o aumentozinho dos ministros do STF…E vem efeito cascata e dá-lhe mais grana. Agora, esse Renan deveria estar É TRANCADO NUMA CELA SE NÃO FOSSE A IDIOTICE DE SEUS ELEITORES, ASSIM COMO DO AÉCIO E OUTROS PATIFES…De uma forma ou de outra SOBRA PRA NÓS, ELEITORES CONSCIENTES O ÔNUS DISSO TUDO…SÓ LEVAMOS FUMO…

    • wzfr disse:

      INFELIZMENTE OS MILITARES DE HOJE SAO UNS BUNDÕES, NÃO SÃO COMO OS DE 1964, SAO VERDES POR FORA E VERMELHOS POR DENTRO.

  9. luciano damiao disse:

    Maldita Corja de FDP, VTNC seus ratos malditos..

  10. João Orestes Daruy disse:

    Segue a fara, sanguessugas….

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.

Seja Membro do Congresso em Foco

Apoie

Newsletter Farol Político

Perspectivas exclusivas e a melhor análise do poder

assine

Receba notícias também via