Bolsonaro perde apoio da cúpula militar ao insistir na demissão do comandante do Exército

AeronáuticaExércitoFernando Azevedo e Silvageneral Walter Souza Braga NettoJair BolsonaroLulaMarinhaMinistério da Defesa
Comentários (5)
Comentar
  • 13582196

    Está claro que o senadores genocidas e os deputados genocidas preferem deixar as pessoas morrerem para não ter de entregar a presidência ao general Mourão.

  • Fabio Martins

    Os militares da alta patente estão tudo quietinho, na deles, pois estão com o bolso (ainda mais) cheio após serem generosamente excluídos da reforma da previdência, e terem altos cargos com vencimentos de até 300 mil mensais (reportagem publicada aqui mesmo neste site), bem como se fartam de picanha, whisky, cerveja skol beats e lagosta pagos com o NOSSO dinheiro (tbm revelado em reportagem deste site aqui). Só isso explica o apoio (ou a não expulsão) ao ex-capitão expulso do Exército.

    E o que dizer mais sobre Bolsonaro? Esgotam-se os adjetivos chulos para esse ser desprezível. Se cerca de militares quase que num desejo erótico por objetos fálicos (armas) para passar a sensação de que, a qualquer momento, ele vá decretar estado de sítio pelo motivo mais absurdo que existe: pra ser contra prefeitos e governadores que, entre propinas e roubos, optaram por combater a covid. Nem Hitler foi tão perverso contra seu próprio povo…

    • Jorge Teixeira Carneiro

      E a esquerda com o mesmo discurso de sempre, ou seja, não aprendem.

      • Fabio Martins

        Vai se tratar, rapaz! Você enxerga Lula e esquerda em qualquer lugar ou situação! Isso já é patológico

        • Jorge Teixeira Carneiro

          É capaz mesmo!
          https://www1.folha.uol.com.br/fsp/1994/4/21/brasil/10.html