Youtube remove vídeo de Bia Kicis por propagar mentiras sobre covid-19

O Youtube retirou do ar neste sábado um vídeo publicado pela deputada Bia Kicis (PSL-DF) em que ela entrevista o médico Alessandro Loiola por propagar desinformação. Loiola é autor do livro Covid-19: a fraude. Ele nega a gravidade da pandemia e diz, sem apresentar comprovação científica, que as vacinas podem provocar mudanças genéticas e até câncer. Veja a manifestação da deputada sobre o assunto:

As plataformas sociais têm intensificado o combate às fake news, principalmente aquelas referentes à pandemia, como as que se baseiam em teorias conspiratórias e contrárias ao conhecimento científico.

Investigada em dois inquéritos no Supremo Tribunal Federal (STF) - um que apura sua participação em um esquema de fake news movimentado por bolsonaristas e outro por incitação aos atos pró-intervenção militar.

A deputada está indicada pelo seu partido para presidir a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). A eleição deve ocorrer na próxima semana. A deputada Fernanda Melchionna (Psol-RS) move uma ação na Justiça pedindo que Bia Kicis seja impedida de comandar a comissão mais importante da Câmara por defender ideias que vão contra a democracia.

Continuar lendo