Roda o ministro

Quando eram crianças lá em New Orleans, os músicos da Stolen Blues Boys Band gostavam de fazer a brincadeira da dança das cadeiras. Ao som de uma música, a turma corria em volta de um grupo de cadeiras, uma cadeira a menos que o grupo de pessoas. Quando a música parava, o pessoal tinha de sentar na cadeira. Quem bobeava, ficava sem cadeira, e saía do jogo.

Recém chegados ao Brasil, eles observam a cena política em Brasília, e a acham bem parecida com aquela brincadeira dos tempos de infância. Os ministros entram, a música tocam. E quem bobear, acaba ficando sem cadeira. Então: “Roda, roda, roda, mais um ministro”.

Roda o ministro
(Sobre Proud Mary, de Ike Turner)

Ouça aqui a música

Eu dou emprego a um amigo
Da minha base parlamentar
Eu sei que ele faz um caixinha
Para o partido se aparelhar

Mas o cara vem alucinando
E a imprensa cai matando

Então, eu troco
E roda
Roda outro ministro
Roda
Roda
Roda outro ministro

Troco quase um por mês
O Lupi foi a bola da vez.
Disse “Dilma eu te amo”
Para continuar mamando

É mais um que já chegou roubando
E a imprensa já caiu matando

Então roda
Roda
Roda outro ministro.

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!