João Campos é escolhido relator de projeto sobre autonomia da PF

O presidente da CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) da Câmara dos Deputados, Felipe Francischni (PSL-PR), escolheu nesta quinta-feira (22) o deputado federal João Campos (Republicanos-GO) para relatar o projeto de lei sobre a autonomia da Polícia Federal.

Ao Congresso em Foco, Francischini estima um prazo de 15 dias para Campos para apresentar seu relatório.

tentativa do presidente Jair Bolsonaro de interferir na nomeação do superintendente da Polícia Federal no Rio de Janeiro abriu o caminho para a retomada da proposta parada no Congresso.

Nesta quinta, Bolsonaro também falou em trocar o comando da PF, atualmente chefiada por Maurício Valeixo.

Após a declaração do presidente de que ele é “quem manda” na definição dos cargos de comando do órgão, delegados federais decidiram cobrar dos congressistas a aprovação da autonomia administrativa, financeira e orçamentária da Polícia Federal, além da fixação de um mandato fixo para o diretor-geral da instituição.

O presidente da CCJ é filho do delegado da PF e  deputado estadual Fernando Francischini (PSL-PR).

> Bolsonaro abre crise com a PF após interferência no Rio
>Delegados cobram autonomia da PF e postura de estadista de Bolsonaro

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!