Eduardo Gomes desiste de concorrer como vice-presidente do Senado

O senador Eduardo Gomes (MDB-TO), líder do governo no Congresso, desistiu de concorrer à vice-presidência da Casa na chapa de Rodrigo Pacheco (DEM-MG). O congressista disse ao Congresso em Foco que a legenda vai indicar Veneziano Vital do Rego (MDB-PB). MDB e PSD postulavam o cargo, mas, segundo informações de bastidor, o partido de Gilberto Kassab abriu mão da vaga nesta segunda-feira.

O líder do governo no Senado, Fernando Bezerra (MDB-PE), também é candidato a vice-presidente da Casa e terá de optar entre a liderança ou a vaga na Mesa Diretora. Veneziano é irmão do ministro do Tribunal de Contas da União Vital do Rêgo e voltou ao MDB semanas atrás, após passagem pelo PSB.

> O que você precisa saber sobre os candidatos a presidente da Câmara e do Senado

Continuar lendo